dissertações

Quadriênio 2024 - 2021

Total de dissertações defendidas: 33

DISSERTAÇÕES DEFENDIDAS EM 2022

Total de dissertações defendidas: 8

Davi Bretas dos Santos Pessanha

Título: Uma análise quantitativo-qualitativa dos róticos no Português
falado em Maputo

Orientador(a): Profa. Dra. Silvia Figueiredo Brandão

Ano da defesa: 2022

Páginas: 167

Resumo

Os róticos, segundo Lindau (1975), constituem uma família de sons e ocorrem em aproximadamente 75% das línguas do mundo, ocupando diferentes posições no vocábulo. Apesar de muito focalizados no Português do Brasil, são raros os estudos que os contemplam no Português Europeu e em variedades africanas. Nesta dissertação, que se fundamenta nos princípios da Teoria da Variação e Mudança (WEINREICH; LABOV e HERZOG, 1968), analisam-se os róticos na variedade urbana do Português falado em Maputo (Moçambique), no intuito de determinar os fatores estruturais e extralinguísticos que concorrem para a implementação do tepe nos contextos pré-vocálicos e do cancelamento em coda externa, com o auxílio do software Rbrul, de modo a aquilatar a influência das variáveis aleatórias informante e item lexical, até então não contempladas em análises anteriores, apesar da complexidade social que caracteriza a área da pesquisa, em que se encontram falantes de Português como L1 e L2 e onde coexistem diversas línguas do grupo banto. Para tanto, num primeiro momento, apresentam-se os resultados obtidos nas análises com apoio no software GOLDVARB-X e, numa segunda etapa, desenvolvem-se análises, com os mesmos corpora, com apoio no Rbrul, comparando-as também do ponto de vista qualitativo. A análise em que se levaram em conta as mencionadas variáveis aleatórias demonstrou que a implementação do tepe se deve a fatores relacionados às variáveis escolaridade, estatuto do Português e intensidade da sílaba,
enquanto o cancelamento em coda externa é favorecido por fatores vinculados às variáveis faixa etária, estatuto do Português, contexto subsequente e intensidade da sílaba. Além das análises mais propriamente quantitativas, dedica-se o capítulo final à análise qualitativa dos dados referentes aos informantes e aos itens lexicais visando a melhor compreender o complexo contexto sociolinguístico que parece caracterizar Moçambique. Para isso, os resultados fornecidos pelo Rbrul referentes à propensão dos indivíduos à inovação foram cruzados com seus respectivos perfis pessoais depreendidos das entrevistas e das caracterizações fornecidas por Pissurno (2017). Faz-se o mesmo processo com os itens lexicais a fim de se verificar sua influência nos resultados obtidos. As diferentes análises visam a contribuir não apenas para melhor compreender o comportamento dos róticos na fala de Maputo, mas também para aquilatar o alcance dos dois mencionados softwares como ferramentas auxiliares em estudos de cunho sociovariacionista.

Palavras-chave: Róticos; Contextos pré-vocálicos; Coda externa; Português de Moçambique; GOLDVARB-X; Rbrul

 

Fernando Henrique de Paulo

Título: Passado Eterno, Presente Difuso: Portugal em Non, ou a Vã Glória de Mandar, de Manoel de Oliveira

Orientador(a): Profa. Dra. Ângela Beatriz de Carvalho Faria

Ano da defesa: 2022

Páginas: 129

Resumo

RESUMO COMPLETO: A expansão da fortuna crítica em torno de Manoel de Oliveira faz com que a interpretação de cada um de seus filmes não esteja limitada aos meandros de uma ou outra visão, mas que seja beneficiada por visões díspares e até mesmo conflitantes, fomentando debates e contribuindo para que uma obra de igual plurissignificação não seja reduzida por visões pessoais que, por ausência de perspectivas tanto complementares quanto discordantes, acabam por se tornar oficiais. O presente trabalho visa contribuir para a ampliação das fronteiras do universo cinematográfico de Manoel de Oliveira, através da análise do filme Non, ou A Vã Glória de Mandar (1990), debruçando-se sobre um dos aspectos formativos da filmografia do cineasta português: a relação entre ficção e história, mais especificamente o diálogo que Manoel estabelece entre a biografia portuguesa e o destino de seus habitantes, tanto os reais quanto os ficcionais. Para analisar a forma como o cineasta interpõe o passado e o presente de Portugal, utilizamos autores como Jacques Rancière, Walter Benjamin e Beatriz Sarlo para nos servir de base para compreender de que forma Manoel reconstitui fatos históricos portugueses ao mesmo tempo em que os intercala com episódios ficcionais.

Palavras-chave: Manoel de Oliveira; Non, ou a Vã Glória de Mandar; Cinema Português; Passado de Portugal.

Abstract

The increase of film studies related to Manoel de Oliveira filmography makes the interpretation of each of his films to not be limited to one or another view, but to be benefited from different and even contrary views, fomenting debates and contributing to the fact that a work of plural meanings do not get reduced to personal views which, by the absence of the perspectives that are complementaries as well as contradictories, end up becoming officials. The present paper intends to contribute for the enlargement of the limits of the cinematographic universe of Manoel de Oliveira, through the analysis of the movie No, or the Vain
Glory of Command (1990), giving special attention to one of the formative aspects of Oliveira’s filmography: the relationship between fiction and history, more specifically the dialogue Manoel establishes between the portuguese biography and the fate of its inhabitants, the real ones and the fictional characters. In order to analyze the form how the director intercalates the past and the present of Portugal, we utilize authors as Jacques Rancière, Walter Benjamin and Beatriz Sarlo to give us the necessary basis to understand the way how Manoel reconstitutes historical facts about Portugal ah the same time in which he intercalates them with fictional episodes.

Keywords: Manoel de Oliveira; Portuguese Cinema; No, or the Vain Glory of Command; Portuguese Past.

Jady Geovana Veroneses

Título: -Íneo como novo formativo no português brasileiro contemporâneo

Orientador(a):  Prof. Dr. Carlos Alexandre Victorio Gonçalves

Ano da defesa: 2022

Páginas: 74

Resumo

O presente trabalho tem como objetivo principal analisar as palavras que têm circulado nas mídias sociais (facebook, instagram, twitter etc.) e que possuem o novo formativo -íneo em sua estrutura, como ‘cachorríneo’, ‘lindíneo’, ‘amorzíneo’ etc. a fim de fazer uma descrição e caracterização com base nos usos. Para isso, devido à estreita semelhança com o tradicional sufixo de diminutivo –inho, buscamos também traçar comparações para delimitarmos condicionantes que os aproximam e que os afastam. Como apoio teórico, adotamos a Linguística Funcional Centrada no Uso (LFCU), uma teoria que enxerga a função como elemento essencial à linguagem, e noções que esse modelo teórico desenvolve, como perspectivização, analogização, construcionalização e frequência. Com o levantamento de um corpus inovador que engloba dados coletados empiricamente no ambiente eletrônico na modalidade escrita e em gravações a fim de identificar as ocorrências na oralidade, buscamos reforçar que o léxico está sempre em processo de mudança e de reconstrução.

Palavras-chave: Formação de palavras; diminutivo; neologismos.

Abstract

The main objective of this work is to analyze the words that have been circulating in social media (facebook, instagram, twitter etc.) and that have the new -íneo formative in their structure, such as ‘cachorríneo’, ‘lindíneo’, ‘amorzíneo’ etc. in order to make a description and characterization based on the uses. For this, due to the close resemblance to the traditional diminutive suffix -inho, we also sought to draw comparisons to delimit the conditions that bring them closer and that distance them. As theoretical support, we adopted the Use-Centered Functional Linguistics (LFCU), a theory that sees function as an essential element to language, and notions that this theoretical model involves, such as perspectivization, analogization, constructionalization and frequency. With the survey of an innovative corpus that encompasses data collected empirically in the electronic environment in written mode and in recordings in order to identify occurrences in orality, we seek to reinforce that the lexicon is always in a process of change and reconstruction.

Keywords: Word formation; diminutive; neologisms.

Luisa Bruno Lopes de Abreu Lima

Título: O híbrido multiverso do Sítio do Pica-Pau Amarelo: transbordamentos entre arte, ciência e vida na literatura infantojuvenil de Monteiro Lobato

Orientador(a):  Profa. Dra. Anélia Montechiari Pietrani

Coorientador(a): Prof a Drª Regina Silva Michelli Perim

Ano da defesa: 2022

Páginas: 213

Resumo

O Sítio do Pica-pau Amarelo, do escritor Monteiro Lobato (1882-1948), obra composta por 23 livros, é um importantíssimo acontecimento na literatura
infantojuvenil, sendo pioneira desse gênero no Brasil. Publicados originalmente entre os anos 20 e 40 do século passado, os livros contribuíram para a felicidade da infância de gerações de brasileiros, assim como para a formação literária e mesmo para a educação escolar de crianças e jovens ao longo de décadas. Em nossos dias, o Sítio se tornou uma espécie de lugar comum no imaginário nacional: todos sabemos quem é o Saci, Cuca, Emília, Narizinho, Pedrinho, Dona Benta e Tia Nastácia. Seu universo transbordou para as páginas de livros de outros autores, de literatura adulta e infantojuvenil. Seus personagens também escaparam dos livros, indo morar em filmes, séries de televisão, histórias em quadrinhos, desenhos animados, canções, musicais para televisão e até desfiles de escolas de samba: o impacto da obra de Lobato em nossa cultura é, simplesmente, imensurável. A dissertação procura uma visão abrangente de todos os livros do Sítio do Pica-Pau Amarelo, apontando o hibridismo como característica de coesão poética de seu multiverso, composto por vários universos literários, campos do conhecimento humano, tempos e espaços. Busca ainda os antecedentes, a formação e o desenvolvimento da obra de Lobato, as consequências e a pertinência na literatura, cultura e sociedade brasileira contemporânea, procurando inscrever o Sítio no contexto da literatura universal, dos territórios da vanguarda e da modernidade. Modernidade que, segundo o crítico Marshall Berman, perdura até hoje.

Palavras-chave: cultura remix, literatura infantojuvenil, hibridismo literário, modernidade.

Abstract

Sítio do Pica-pau Amarelo, a collection of twenty-three novels written by Monteiro Lobato (1882-1948), is credited with being a pioneering work in Brazilian children’s literature and is seen as a pivotal moment in the genre’s evolution. Lobato’s novels, which were first published between 1920 and 1940, have helped to develop the imaginations of Brazilian youngsters across generations, as well as their literary taste and academic progress. Sítio and its characters have all become household names in the Brazilian imagination: Saci, Cuca, Emília, Narizinho, Pedrinho, Dona Benta, and Tia Nastácia are all well known by Brazilians.
Lobato’s universe has spilled over into the pages of adult and children’s books by various authors. His characters have made appearances in films, television series, comic books, cartoons, songs, television musicals, and even samba school parades, demonstrating that his work has had an incalculable impact on our society these days. The purpose of this dissertation, as challenging as it may be, is to present a thorough view of all of Sitio do Pica-Pau Amarelo’s works, highlighting hybridism as a characteristic of poetic cohesiveness of its multiverse, which is made up of numerous literary universes, domains of human
knowledge, times, and spaces. It also delves into the background, consolidation, and evolution of Lobato’s masterpiece emphasizing its impact and importance in contemporary Brazilian literature, culture, and society. Such an approach considers Sitio as a part of world literature, as well as the avant-garde and modernity domains. Modernity which, according to critic Marshall Berman, is still in progress.

Keywords: culture, brazilian children’s literature, literary hybridity, modernity

 

Matheus Gomes Alves

Título: A representação mental da imperfectividade em inglês: uma análise cartográfica

Orientador(a):  Profa. Dra. Adriana Leitão Martins

Ano da defesa: 2022

Páginas: 135

Resumo

O objetivo geral deste trabalho é contribuir para a análise da representação da imperfectividade na faculdade da linguagem. Os objetivos específicos são: a) analisar as realizações morfológicas dos aspectos habitual, continuativo, durativo, prospectivo e incoativo(I) no inglês, associados ao tempo presente, b) analisar a ordem de produção dos advérbios relacionados aos aspectos habitual, continuativo, durativo, prospectivo e incoativo(I) combinados entre si em
sentenças no tempo presente no inglês, a fim de investigar a derivação de sentenças veiculando os aspectos estudados e c) analisar as leituras promovidas por diferentes ordens de linearização dos advérbios relacionados aos aspectos habitual, continuativo, durativo, prospectivo e incoativo(I) combinados entre si em sentenças veiculando o tempo presente no inglês, a fim de investigar a derivação de sentenças veiculando os aspectos estudados. A metodologia consiste na análise integral dos corpora WebCorp e Santa Barbara Corpus of Spoken American English, bem como na aplicação remota de dois testes comportamentais a vinte falantes nativos de inglês. As hipóteses foram: a) tanto as linearizações cinquenianas Usually Still, Still Almost, Briefly Almost e Briefly Suddenly quanto as linearizações não cinquenianas Still Usually, Almost Still, Almost Briefly e Suddenly Briefly são identificadas em sentenças da língua inglesa associadas ao tempo presente, b) a morfologia mais comum para gramaticalizar, em conjunto com os advérbios sob análise, no inglês, as projeções sob escrutínio no tempo presente é a morfologia progressiva, c) a linearização cinqueniana dos advérbios sob análise, especificamente Usually Still, Still Almost, Briefly Almost e
Briefly Suddenly, faz disparar exclusivamente leitura de escopo progressivo e d) a linearização não cinqueniana dos advérbios sob análise, especificamente Still Usually, Almost Still, Almost Briefly e Suddenly Briefly, faz disparar exclusivamente leitura de escopo regressivo. A primeira hipótese não foi refutada, pois tanto ordenamentos cinquenianos quanto não cinquenianos dos advérbios estudados são possíveis em língua inglesa. A segunda hipótese foi refutada, uma vez que a morfologia progressiva não se apresentou como o contexto morfológico mais comum utilizado em conjunto com os advérbios encontrados no corpus: Usually, Still e Almost. As terceira e quarta hipóteses testadas foram refutadas, já que não houve uma relação de exclusividade generalizada e de previsão entre as variáveis Escopo (progressivo/ regressivo) e Ordenamento (cinqueniano/ não cinqueniano). Observou-se que os contextos em que os escopos progressivo e regressivo parecem atuar, da forma esperada, como fatores preditores de ordenamento são os de diferenciação entre as linearizações Still Almost e Almost Still.

Palavras-chave: imperfectividade, cartografia sintática, escopo, hierarquia linear.

Poliane Gomes Neves

Título: IDENTIDADES FRATURADAS EM MULHERES DE CINZAS, DE MIA COUTO

Orientador(a):  Profª. Doutora Carmen Lúcia Tindó Ribeiro Secco

Ano da defesa: 2022

Páginas: 94

Resumo

A dissertação, com base em Mulheres de Cinzas, de Mia Couto, livro que compõe a
trilogia As Areias do Imperador, analisará as fraturas identitárias ficcionalizadas pelo
referido romance, observando como o poder colonial e o racismo dividem e
discriminam os corpos. O segundo capítulo investigará como é realizada a revisitação
crítica da história do passado do Império de Gaza, ao sul de Moçambique, a partir das
personagens, sobretudo Imani e Germano, ambos divididos entre dois mundos, em
razão de terem perdido algumas características originais de suas identidades que se
tornaram híbridas. O terceiro capítulo abordará as relações e as diferenças entre os dois
narradores (Imani, através da oralidade, e Germano, por intermédio da escrita),
enfatizando a metáfora das mãos nos dois relatos: a mão do narrar oral que gesticula e a
mão que escreve sobre o papel. O quarto capítulo se ocupará de figuras e recursos de
linguagem presentes no discurso romanesco, que ora reinventa traços orais de tradições
étnicas moçambicanas locais, ora apreende construções poéticas de Mia Couto que
permeiam de poesia e sensibilidade a narração ficcionalizada da história tecida,
criticamente, pela enunciação romanesca. O apoio teórico será dado pelos livros de José
Luís Cabaço, Franz Fanon, Achille Mbembe, Michel Focault e outros, cujas teorias
auxiliarão a fundamentar a crítica ao colonialismo efetuada pelo romance de Mia Couto,
cujo olhar pós-colonial põe em questão tanto o autoritarismo do colonialismo português,
como as atitudes déspotas que também Ngungunyane assumiu quando foi o Imperador
de Gaza.

Palavras-chave: Moçambique; história; identidade; Mia Couto; Mulheres de
cinzas.

Abstract

The dissertation, based on Mulheres de Cinzas, by Mia Couto, book that makes up the
trilogy As Areias do Imperador, will analyze the fictionalized identity fractures by the
referred novel, observing how colonial power and racism divide and discriminate
bodies. The second chapter will investigate how the critical review of the past history of
the Gaza Empire in southern Mozambique is carried out, based on the characters,
especially Imani and Germano, both divided between two worlds, due to having lost
some of the original characteristics of their identities that have become hybrids. The
third chapter will address the relationships and differences between the two narrators
(Imani, through orality, and Germano, through writing), emphasizing the metaphor of
the hands in both accounts: the hand of the oral narrative that gesticulates and the hand
that writes on the paper. The fourth chapter will deal with figures and language
resources present in the Romanesque discourse, which sometimes reinvents oral traces
of local Mozambican ethnic traditions, sometimes apprehends Mia Couto's poetic
constructions that permeate poetry and sensitivity to the fictionalized narration of the
story, critically, by romanesque enunciation. Theoretical support will be given by the
books of José Luís Cabaço, Franz Fanon, Achille Mbembe, Stuart Hall, Michel Focault
and others, whose theories will help to base the criticism of colonialism made by the
novel by Mia Couto, whose post-colonial look calls into question both the
authoritarianism of Portuguese colonialism, and the despotic attitudes that
Ngungunyane also assumed when he was the Emperor of Gaza.

Keywords: Mozambique; story; identity; Mia Couto; Mulheres de cinzas.

Rafaela Nogueira Barbosa

Título: ¿Las carnicerias fronterizas parecem museus de arte do futuro? A metapoesia de fronteiras em Douglas Diegues

Orientador(a):  Profª. Doutora Anélia Montechiari Pietrani

Ano da defesa: 2022

Páginas: 144

Resumo

Este trabalho tem como objetivo investigar os processos criativos do poeta Douglas Diegues. A partir da leitura do poema “las carnicerias fronterizas” do livro Uma flor na solapa da miséria – Poemas em portuñol (2006), nos deb ruçaremos sobre as criações vindas da tríplice fronteira – lugar em que o poeta realiza seu tráfego supersônico entre Brasil, Argentina e Paraguai – utilizando-se, como ele mesmo defende, de uma linguagem nada usual: seu portunhol selvagem. O poeta, como um rizomado das fronteiras e de seus impactos político-econômicos, publica seus livros através de edições artesanais, como as autênticas editoras cartoneras, que utilizam papel reciclado para suas produções de exemplares trabalhados à mão pelos próprios catadores de papel, com o intuito de editarem objetos únicos, mas, principalmente, de lutarem contra a desigualdade social que assola a América Latina. Esse mesmo poeta antropofágico de
outrora, que dialogava com o seu tempo fronteiriço, é também o poeta de agora, fundador da Editora de Los Bugres, uma espécie de editora de todas as editoras, que trafega seus textos e de outros autores das cartoneras até mesmo em boleias de caminhão para o mundo. Mas, como Diegues mesmo se define um oswaldreandadiensis, o poeta que come hoje da carne crua do artista deverá saber que amanhã ele é quem será devorado; o que deixa para você, jovem poeta, esta responsabilidade que muitas vezes não é recíproca. Assim, é importante nos colocarmos também nessa fronteira, diante de tal linguagem poética, com o propósito de traçarmos uma leitura intertextual e interdisciplinar que nos faça refletir sobre as fronteiras e os limites entre a arte, a existência e a política.

Palavras-chave: Douglas Diegues; portunhol selvagem; edições cartoneras; antropofagia; metapoesia; tradução.

Abstract

This work aims to investigate Douglas Diegues’ creative processes. Reading the poem “las carnicerias fronterizas” from Uma flor na solapa da miséria – Poemas em portuñol (2006), we will focus on the creations coming from the triple border – the place where the poet carries out his supersonic traffic between Brazil, Argentina and Paraguay – using, as he himself defends, an unusual language: his portunhol selvagem. As a rhizome of borders and their political-economic impacts, the poet publishes his books through artisanal editions, such as authentic cartonera publishers, who use recycled paper for their productions of copies worked by hand by the paper collectors themselves, in order to edit unique objects, but mainly to fight against the social inequality that plagues Latin America. This same anthropophagic poet of yore, who dialogued with his frontier time, is also the poet of now, the founder of Editora de Los
Bugres, a kind of publishing house for all publishing houses, which carries his texts and those of other authors of the cartoneras, even on truck rides to the world. But, as Diegues defines himself as an oswaldreandadiensis, the poet who eats the artist’s raw flesh today must know that tomorrow he will be devoured; which leaves you, young poet, this responsibility that is often not reciprocal. Thus, it is important to place ourselves on this border, in the face of such poetic language, with the purpose of drawing an intertextual and interdisciplinary reading that makes us reflect on the borders and limits between art, existence and politics.

Keywords: Douglas Diegues; portunhol selvagem; cartonera editions; anthropophagy; metapoetry; translation.

Thalles Candal Reis Fernandes

Título: O jogo de cena da escrita: os espelhos do lúdico e do literário em Finisterra de Carlos de Oliveira

Orientador(a):  Profa. Dra. Luciana dos Santos Salles

Ano da defesa: 2022

Páginas: 66

Resumo

A leitura de Finisterra: paisagem e povoamento, de Carlos de Oliveira, é uma travessia desafiadora para qualquer leitor, do mais versado ao iniciante. Com sua estrutura fragmentária e lacunar, seus narradores múltiplos e alternantes, seus personagens só caracterizados pela voz e pelas vestes (e pelo parentesco com a criança), e seus toques de surrealismo, essa narrativa está entre as mais complexas e mais geniais da literatura portuguesa do século XX. Fonte inesgotável de análises críticas, desde o momento de sua publicação em 1978 até os dias de hoje, a forma e o conteúdo da obra se desencontram e complementam sucessivamente em uma transposição de cenas, personagens e capítulos que parecem se combinar de forma diferente a cada leitura. Sua conhecida “Nota final” provoca uma releitura caleidoscópica da própria obra ao revelar que ela é produto de uma das várias combinações possíveis de velhos papéis dispersos. Esse gesto revela um jogo de espelhos entre narradores, personagens e autor que dissolve no leitor qualquer interpretação fácil e direta – já inviável por seu enredo e sua estrutura – da intenção do livro. Essa interação entre autor e leitor firma uma espécie de pacto de identificação, principalmente se analisamos as cenas de escrita representadas em sua obra. Carlos de Oliveira convida o leitor para um jogo que questiona as totalizações ilusórias da realidade para dar-lhe novos significados, e sugere, assim, uma chave de leitura para sua obra.

Palavras-chave: Carlos de Oliveira; Finisterra; Literatura portuguesa; Jogo; Escrita.

Vitor Lima de Oliveira

Título: A Alma Encantadora Da África: tensões raciais nas crônicas de João do Rio

Orientador(a):  Prof. Dr. Adauri Silva Bastos

Ano da defesa: 2022

Páginas: 80

Resumo

Um dos grandes cronistas brasileiros da chamada Belle Époque, João do Rio oferece recriações singulares de diversos tipos sociais da cidade do Rio de Janeiro, propondo uma aproximação entre antropologia urbana e literatura que marca definitivamente sua obra. Por meio de seu olhar perspicaz, mas nem por isso imparcial, publica, no começo do século XX, diversos textos que versam sobre os corpos negros da urbe, atendo-se a dois eixos temáticos que chamam a atenção: a religião cultuada pelos africanos no Brasil da época e os costumes para a celebração de suas divindades; os festejos relacionados ao carnaval, bem como os cordões e pontos de interseção entre religião e a festa popular. Nosso objetivo é analisar os escritos de João do Rio problematizando as afirmações sincréticas e, talvez, etnocêntricas propostas nas crônicas. Também mobilizaremos conceitos capazes de nos ajudar a situar as crônicas no conjunto da obra
do autor, como corporeidade, oralidade, etnografia urbana, etc., ainda sob uma análise culturalista. Dessa forma, esperamos oferecer uma visão acurada do trabalho de (quase) etnógrafo de João do Rio, com destaque para a ambivalência nas construções de sentido das crônicas.

Palavras-chave: João do Rio; crônica; carnaval; candomblé; experiência urbana; negritude; literatura brasileira

Abstract

One of the great Brazilian chroniclers of the so-called Belle Époque, João do Rio offers unique recreations of different social types in the city of Rio de Janeiro, proposing an approximation between urban anthropology and literature that definitively marks his work. Through his perceptive, but not impartial, look at the beginning of the 20th century, he published several texts that deal with the city’s black people, focusing on two thematic axes that draw attention: the religion worshiped by Africans in the Brazil and the customs for the celebration of their deities; the festivities related to carnival, as well as the cordões and points of intersection between religion and the popular festival. Our objective is to analyze João do Rio’s writings, problematizing the syncretic and, perhaps, ethnocentric statements proposed in the chronicles. We will also mobilize concepts capable of helping us to place the chronicles in the author's work as a whole, such as corporeality, orality, urban ethnography, etc., still under a culturalist analysis. In this way, we hope to offer an accurate view of João do Rio’s (almost) ethnographer’s work, highlighting the ambivalence in the constructions of meaning in the chronicles.

Keywords: João do Rio; chronicles; carnival; candomblé; urban experience; blackness; Brazilian literature.

DISSERTAÇÕES DEFENDIDAS EM 2021

Total de dissertações defendidas: 25

Alex Jefferson Medeiros Fernandes da Silva

Título : Da escrita contínua à segmentação convencional de palavras: a constituição de palavra gráfica na aprendizagem da escrita.

Orientador(a): Eliete Figueira Batista da Silveira.

Ano da defesa: 2021

Páginas:133

Resumo

Este trabalho apresenta um estudo do fenômeno de hipossegmentação, uma forma de representação não convencional de enunciados escritos, em que ocorre a supressão de fronteira gráfica entre vocábulos, como em “acuca” (a Cuca), “porisso” (por isso), “debola” (de bola). Parte-se do pressuposto de que a realização do processo está relacionada à organização prosódica dos enunciados, o que aponta para a atuação da gramática fonológica adquirida pelo escrevente quando do registro escrito. Essa investigação tem como base os estudos em Aquisição da Linguagem e os princípios da Linguística Gerativa (CHOMSKY & HALLE, 1968; CHOMSKY, 1978), além da contribuição da Fonologia Prosódica e da teoria da Hierarquia Prosódica (NESPOR & VOGEL, 1986). Conta-se, também, com os estudos sobre a Aprendizagem da Escrita e o desenvolvimento da Consciência Fonológica (SOARES, 2016, 2020). Utiliza-se um corpus composto por 91 textos espontâneos, produzidos em Reforço Escolar por alunos da rede municipal de ensino da cidade do Rio de Janeiro (1o ao 9o ano), para a investigação da hipossegmentação e das etapas de desenvolvimento da escrita. Os objetivos são: descrever o processo de hipossegmentação; analisar demais processos fonológicos aplicados nas junturas; apontar os tipos de junção; caracterizar os estágios de desenvolvimento da escrita; apresentar propostas de intervenção pedagógica. Parte-se do pressuposto de que na passagem da representação subjacente para a representação concreta atuam conhecimentos de uma gramática fonológica em construção. Com base na variável domínio prosódico, verificou-se que os dados de hipossegmentação ocorrem sob o domínio de diferentes constituintes prosódicos, de forma que eles se assemelham à organização prosódica da fala. Como uma das conclusões, observa-se que o fenômeno se manifesta em todos os anos escolares do Ensino Fundamental e que, quanto menor for grau de letramento escolar do aluno, mais alto será o domínio prosódico de realização da hipossegmentação.

Palavras-chave:Fonologia. Hipossegmentação. Aprendizagem da Escrita. Consciência Fonológica

Abstract

This work presents a study of the phenomenon of hyposegmentation, an unconventional representation of written utterances, in which the blank space between the words is erased, such as “acuca” (a Cuca – the Cuca), “prisso” (por isso – because of that), “debola” ([jogador] de bola – ballplayer). It is assumed that the phenomenon is related with the prosodic organization of speech, that commands an action of the writer phonological grammar in the moment they write. This investigation is based on studies on Language Acquisition and on the principles of Generative Linguistics (CHOMSKY & HALLE, 1968; CHOMSKY, 1978); It counts on the contribution of the Prosodic Phonology and the theory of Prosodic Hierarchy (NESPOR & VOGEL, 1986) too. In addition, this dissertation is based on the studies on Learning to write and the Phonological awareness development (SOARES, 2016, 2020). In this approach, 91 spontaneous written texts of students from Brazil’s Elementary Education have been used to analyze the hyposegmentation phenomenon and the stages of writing development. The objectives of this study are: to describe the hyposegmentation phenomenon; to analyze the phonological processes that occur on the junctions of words; to determine the junction types; characterize the stages of writing development; to present proposals of pedagogic intervention. It starts with the assumption that in the passage from the underlying representation to the superficial/concrete representation, the knowledge of a phonological grammar under construction works. Based on the variable prosodic domain, it was found that the phenomenon of hyposegmentation occurs under the domain of different prosodic constituents, which is similar to the prosodic organization of speech. As one of the conclusions, it is observed that the phenomenon is produced in all school years of Elementary School, and the lower the student’s literacy level, the greater the prosodic domain of hyposegmentation data.

Keywords:Phonology. Hyposegmentation. Learning to write. Phonological Awareness.

 

Alexandre Braga Badaue Coelho

Título: Degredados filhos de um tempo mau: existências abissais em convergência em Nelson Rodrigues e Plínio Marcos

Orientador(a): Professora Doutora Maria Lucia Guimarães de Faria

Ano da defesa: 2021

Páginas:126

Resumo

A presente dissertação investiga pontos de convergência entre as obras dramáticas de Nelson Rodrigues e Plínio Marcos, lançando foco sobre os procedimentos estéticos mais recorrentes nas peças escritas por eles e sobre a composição de seus personagens. Pesquisamos igualmente
os critérios que fazem do anjo pornográfico o pai do teatro brasileiro moderno, analisando as veredas abertas pela sua dramaturgia e trilhadas por autores como Plínio. O estudo comparativo contempla as figurações do feminino e os paradigmas de masculinidade construídos em algumas obras dos dois dramaturgos, selecionadas para o corpus do projeto por seu caráter exemplar e ilustrativo. Procedemos, enfim, a um levantamento dos aspectos formais que
aproximam Nelson e Plínio, propondo também alternativas a uma representação cênica que potencialize os recursos empregados por eles. A dissertação visa a preencher algumas das muitas lacunas no estudo de dramaturgia brasileira, em especial, no que se refere aos autores considerados.

PALAVRAS-CHAVE: Literatura Brasileira; Nelson Rodrigues; Plínio Marcos; teatro brasileiro; dramaturgia.

Amanda Massante Peixoto Tracera

Título: “É preciso dizer”: linguagem(s) em Mário Cesariny

Orientador(a): Sofia Maria de Sousa Silva

Coorientador(a):  Ana de Gusmão Mannarino

Ano da defesa: 2021

Páginas:105

Resumo

Esta pesquisa teve como objetivo principal a proposta de um modo de pensar a obra do surrealista Mário Cesariny de Vasconcelos que parte de uma pluralidade de modos de dizer. Nesse sentido, apresentou uma leitura possível de poemas e quadros que identifica e destaca um dos elementos centrais de sua arte poética: a construção de uma linguagem múltipla, que une verbalidade e visualidade. Para isso, recorreu sobretudo a poemas selecionados dos livros Manual de prestidigitação (1956) e Pena capital (1957), além de quadros de momentos diversos. A partir dessas leituras, foi possível identificar alguns elementos indispensáveis para a elaboração da obra cesarinyana e estabelecer três relações que a constituirão: artista-obra, obra-mundo e artista-obra-mundo.

Palavras-chave: Mário Cesariny; poesia; pintura; semiologia; surrealismo.

 

Bruna Lara Leal Martins

Título : Sobre o fenômeno da concordância no Português Brasileiro: Diversidade regional

Orientador(a):  Dinah Maria Isensee Callou

Ano da defesa: 2021

Páginas:99

Resumo

Esta dissertação tem por objetivo trazer uma contribuição ao estudo do fenômeno variável da concordância nominal e verbal e, em certa medida, oferecer pistas para o debate sobre as origens do português brasileiro. O corpus utilizado é o do projeto ALiB, tendo sido selecionados três estados do Brasil, em três regiões distintas, para a análise, Bahia (Nordeste), Rio de Janeiro (Sudeste) e Rio Grande do Sul (Sul), a fim de observar uma possível diversidade regional. São enfocadas localidades mais afastadas das respectivas capitais: Barra (BA), Jacobina (BA), Santa Cruz Cabrália (BA), Barra Mansa (RJ) e Santa Maria (RS). Foram coletados trechos de elocução espontânea produzidos pelos informantes e analisados na perspectiva da sociolinguística variacionista laboviana. Foi utilizado o programa Goldvarb X para a observação de possíveis condicionamentos linguísticos e extralinguísticos já testados anteriormente: saliência fônica, região, sexo e faixa etária, posição linear na sentença, classe gramatical, animacidade do sujeito, posição do sujeito na oração e distância do sujeito em relação ao verbo. Do ponto de vista social, levantamos dados históricos e indicadores demográficos das localidades, visto que observamos que esse fenômeno apresenta comportamento e regras de uso semelhantes em regiões diferentes do país, com diferenças apenas nos índices percentuais.

Palavras-chave:: sociolinguística; sócio-história; concordância; português brasileiro

Abstract

This dissertation aims to contribute to the discussion regarding nominal and verbal agreement in Brazilian Portuguese and, perhaps, to bring clues for the debate on the origins of Brazilian Portuguese. We have used ALiB’s corpus, from which we selected samples from three different areas of the country, in order to analyze regional diversity: Barra (Bahia), Jacobina (Bahia), Santa Cruz Cabrália (Bahia), Barra Mansa (Rio de Janeiro) and Santa Maria (Rio Grande do Sul). Spontaneous speech excerts were collected and analyzed within sociolinguistic framework, using Goldvarb X program and linguistic and social factors were taken into account: phonic salience, location, sex, and age; nominal agreement only: linear position and grammar category; regarding only verbal agreement: subject animacity, subject position in the sentence and subject distance from the verb. From a social point of view, we have collected historical data and demographic indicators that have revealed different profiles of the communities but displaying similar behavior, in different regions in the country, the only difference relying on the frequency of use of morphological marking.

Keywords:sociolinguistic; verbal agreement; nominal agreement; social history; Brazilian Portuguese

 

Caio Mieiro Mendonça

Título: “O mundo não gira, ele capotar”: hipercorreção e variabilidade no uso da coda (r) ao final de verbos

Orientador(a):  Eliete Figueira Batista da Silveira

Coorientador(a): Marcelo Alexandre Silva Lopes de Melo

Ano da defesa: 2021

Páginas:96

Resumo

Esta dissertação tem como objeto investigar a marcação hipercorretiva da coda (r) ao final de verbos, em textos digitais, tais quais os exemplos: a. ela estar linda; b. o moleque parecer comigo; c. eu também sentir isso. A discussão apresentada neste trabalho envolve as motivações linguísticas para a inserção do segmento e o seu estatuto em língua portuguesa. São analisados os casos em que há marcação hipercorretiva em verbos nos quais ocorre coincidência gráfica (homonímia) entre as hipercorreções e as suas formas infinitivas padrão, a fim de traçar suas relações com a marca morfológica de infinitivo, identificar como ocorre o espraiamento da marca hipercorretiva dentro dessa classe de palavras e discutir os contextos favorecedores da marcação, tendo em vista a variabilidade identificada no corpus. A base teórica adotada para a análise dos dados segue os pressupostos da Teoria dos Exemplares (BYBEE, 2002; GOMES, 2020), que postula que a gramática emerge do uso a partir da ação de processos cognitivos de domínio geral e que o conhecimento linguístico é estocado em feixes de exemplares que arquivam informações linguísticas e extralinguísticas. São consultados como aporte teórico-metodológico os pressupostos da Teoria da Variação e Mudança (WEINREICH, LABOV e HERZOG, 2006 [1968]), que auxiliam a pesquisa a observar a marcação hipercorretiva da coda (r) como um fenômeno variável, traçando os condicionamentos linguísticos que favorecem a aplicação do fenômeno. As análises estatísticas consideraram efeitos fixos e aleatórios. Nas análises com efeitos fixos, identificaram-se como significativas as variáveis dimensão do vocábulo e vogal antecedente. As análises com efeitos aleatórios mostraram a relevância do item para o fenômeno, o que aponta para condicionamento lexical da realização da variável.

Palavras-chave:Fonologia. Coda final (r). Hipercorreção. Modelos Baseados no Uso. Teoria da Variação e Mudança Linguística.

Abstract

This dissertation aims to investigate the hypercorrection of the coda (r) at the and of verbs, on digital texts, such as the following examples: a. ela estar linda; b. o moleque parecer comigo; c. eu também sentir isso. The discussion presented in this work evolves the linguistic motivating factors for the attachment of this segment and its status on portuguese. The data analysed are composed of verbs whose hypercorrected written forms are homonyms to the standard infinitive, in order to draw the relation between the hypercorrection and the morphological mark of infinitive, to identify how the phenomenon spreads into the class of verbs and to discuss conditioning contexts of the hypercorrection, bearing in mind the variability of the data. The perspective of Usage-based Models (BYBEE, 2002; GOMES, 2020), which claims that grammar emerges from usage through the interaction of domain-general cognitive processes, and that grammatical knowledge is stored on exemplars, that archive linguistic and non-linguistic data. The postulates of the Theory of Variation and Linguistic Change (WEINREICH, LABOV e HERZOG, 2006 [1968]), that allow for the examination on hypercorrection of the coda (r) as a variable process, are also consulted. The fixed effects analyses show the variables word’s extension and preceding vowel as significants. The random effects analyses show the item as a significant factor, pointing to a possible lexical conditioning of the phenomenon.

Keywords:Phonology. Final coda (r). Hypercorrection. Usage-based Models. Theory of Variation and Linguistic Change.

 

Daniele Cristina Campos

Título : A correlação de negação e contraste no português brasileiro

Orientador(a): Violeta Virginia Rodrigues

Ano da defesa: 2021

Páginas:135

Resumo

Neste trabalho, partimos da premissa de que a correlação é um processo sintático de composição do período composto com propriedades sintático-semânticas diferentes da coordenação e da subordinação, com base em Oiticica (1945, 1952), Pauliukonis (1995), Módulo (1999, 2005, 2008, 2011), Rodrigues (2001, 2007, 2014), Rosário (2012), Acosta (2016), Fernandes (2017), Souza (2020), dentre outros. Tendo em vista que Lima-Hernandes (2014) e Ribeiro (2014) demonstram que este conjunto de pares correlativos “não…mas…”, “não…mas sim…”, “não…e sim…” e variações expressa focalização e contraste, postulamos que esses pares correlativos pertencem ao inventário da construção correlata de negação e contraste na língua portuguesa. A hipótese norteadora desta dissertação é que a relação de interdependência dessa correlação é gerada em um ambiente polarizado, em que orações negativas e orações afirmativas se contrastam semanticamente e pragmaticamente por veicular polaridades diferentes. Dessa forma, objetivamos analisar e descrever o uso da correlação de negação e contraste segundo os postulados teórico-metodológicos da Linguística Funcional Centrada no Uso (LFCU). Essa corrente teórica conjuga premissas do Funcionalismo norte-americano com pressupostos da Linguística Cognitiva. Fundamentado nos estudos de Goldberg (1995, 2006), Croft (2001), Bybee (2010), Traugott e Trousdale (2013), dentre outros, o interesse da LFCU, de modo geral, recai na análise e descrição de construções gramaticais rotinizadas na língua. Ademais, a LFCU pauta suas investigações em dados reais de uso em contextos efetivos de comunicação. Sendo assim, formamos um corpus, por meio da ferramenta de busca do Google, com textos contemporâneos de natureza híbrida e multimodal, inseridos em diferentes contextos sociocomunicativos. Basicamente, a constituição do corpus se deu pela coleta dos 100 primeiros resultados obtidos na busca destes pares correlativos “não… mas sim…” e “não… e sim…”. A partir do exame dos textos que compõem o corpus, contabilizamos 129 ocorrências de uso da correlação de negação e contraste. Os dados foram analisados sob método empírico com tratamento quantitativo e qualitativo. O exame do corpus mostrou que o uso dessa correlação, em parte, ocorreu no processo de retextualização. Assim, recorremos a Marcuschi (2001) para compreender as motivações sintáticas, semânticas, pragmáticas e cognitivas que envolvem o uso da correlação de negação e contraste em estratégias de retextualização. Com base no conjunto de dados analisados, constatamos que essa correlação é utilizada como um recurso de condensação discursiva que veicula matiz semântico-pragmático de substituição de uma proposição A por outra proposição B. Concluímos que o processo da correlação de negação e contraste pareia forma e significado, por isso, pode ser descrito em uma rede construcional cujo esquema [[NEG. X] ([NEG. Z]) + [Conectorvalor contrastivo Y]] licencia um determinado conjunto de pares correlativos.

Palavras-chave:Correlação. Negação e contraste. LFCU. Multimodalidade. Retextualização

Abstract

In this work, we take for granted that correlation is a syntactic process for composition of the complex sentence whose syntactic-semantic properties are different from coordination and subordination, based on Oiticica (1945, 1952), Pauliukonis (1995), Módulo (1999, 2005, 2008, 2011), Rodrigues (2001, 2007, 2014), Rosário (2012), Acosta (2016), Fernandes (2017), Souza (2020), among others. Bearing in mind that Lima-Hernandes (2014) and Ribeiro (2014) demonstrated that the following set of correlative pairs “não…mas…”, “não…mas sim…”, “não…e sim…” and its variations express focalization and contrast, we state that these correlative pairs belong to the inventory of the correlate construction of negation and constrast in Portuguese. The leading hypothesis of this thesis is that the interdependence relation of this correlation is generated in a polarized environment, where negative and affirmative clauses contrast semantically and pragmatically as they convey different polarities. Thus, we aim at analyzing and describing the usage of the correlation of negation and contrast according to the theoretical and methodological assumptions of Usage-based Functional Linguistics (UBFL). This theoretical framework integrates foundations from North-American Functionalism and from Cognitive Linguistics. Founded in the studies by Goldberg (1995, 2006), Croft (2001), Bybee (2010), Traugott and Trousdale (2013), among others, the interest of UBFL, in general, falls into the analysis and the description of routinized grammatical constructions in the language. Moreover, UBFL outlines its investigations in real data of language use in effective communication contexts. Thus, we composed a corpus, by using Google search tool, of contemporary texts of hybrid and multimodal nature belonging to different sociocommunicative contexts. Basically, the constitution of the corpus was made by the selection of the first 100 results got through the search of the correlative pairs “não…mas sim” and “não…e sim”. From the examination of the texts that comprise the corpus, 129 occurences of use of negation and contrast correlation were found. The data were analyzed under empiric method through a quantitative and a qualitative treatment. The examination of the corpus showed that the use of this correlation, to a certain extent, took place in the process of retextualization. For this reason, we considered Marcuschi (2001) in order to understand the syntactic, semantic, pragmatic and cognitive motivations that involve the use of the correlation of negation and contrast in retextualization strategies. Based on the set of data analyzed, we realized that this correlation is used as a resource for discoursive condensation that conveys semantic-pragmatic substitution nuance of a proposition A with another proposition B. We concluded that the process of the correlation of negation and contrast pairs up form and meaning and, for this reason, can be described as a constructional network whose schema [[NEG. X] ([NEG. Z]) + [Connectorcontrastive value Y]] allows a determined set of correlative pairs.

Keywords:Brazilian literature; Negation and contrast. UBFL. Multimodality. Retextualization

 

Daví Lopes Franco

Título: Para uma edição crítica de A Dona Pé de Cabra: recensão e edição de testemunhos manuscritos

Orientador(a): Leonardo Lennertz Marcotulio

Corientador(a): Vanessa Martins do Monte

Ano da defesa: 2021

Páginas:268

Resumo

Esta Dissertação tem como objetivo investigar o processo de transmissão do texto A Dona Pé de Cabra, presente em Livros de Linhagens, com a finalidade de identificar, descrever e editar testemunhos manuscritos. Para uma caracterização do gênero literário Livro de Linhagens, foram utilizados os princípios de descrição tipológica propostos pela Diplomática. O corpus deste Trabalho é constituído por quinze testemunhos de Tradição Direta, sendo doze manuscritos e três edições. O conjunto de textos manuscritos levantados durante a Recensão foram encontrados em arquivos e acervos digitais, como o Arquivo Nacional da Torre do Tombo, Biblioteca Nacional de Portugal e Biblioteca Digital de Espanha. No que se refere à Tradição Indireta, há uma apresentação de gêneros diferentes que fazem alusão à Dona Pé de Cabra. Partindo dos princípios norteadores da Crítica Textual, realizou-se, portanto, a Recensão de testemunhos manuscritos. Além disso, a fim de preparar os textos para a próxima etapa de uma edição crítica, mais especificamente a Colação, foram elaboradas edições diplomáticas de cada testemunho manuscrito identificado.

Palavras-chave:Crítica Textual. Edição Crítica. Recensão. Dona Pé de Cabra. Livro de Linhagens.

Abstract

This dissertation aims to investigate the process of transmitting the text A Dona Pé de Cabra, present in Livro de Linhagens, with the purpose of identifying, describing and editing handwritten testimonies. For a characterization of the literary genre Livro de Linhagens, the principles of typological description proposed by Diplomatics were used. The corpus of this work consists of fifteen testimonies of Direct Tradition, twelve manuscripts and three editions. The set of handwritten texts raised during the Review were found in archives and digital collections, such as the National Archives of Torre do Tombo, National Library of Portugal and Digital Library of Spain. With regard to Indirect Tradition, there is a presentation of different genres that allude to Dona Pé de Cabra. Based on the guiding principles of Textual Criticism, therefore, a review of handwritten testimonies was carried out. In addition, in order to prepare the texts for the next stage of a critical edition, more specifically the Colação, diplomatic editions of each identified handwritten testimony were prepared.

Keywords:Textual Criticism. Critical Edition. Review. Dona Pé de Cabra.Lineage Book.

Fabiano Aparecido Sales Lima

Título :  Estratégias linguístico-discursivas de patemização em publicidades de alimentos.

Orientador(a): Lúcia Helena Martins Gouvêa.

Ano da defesa: 2021

Páginas:254

Resumo

A presente pesquisa tem por objetivo examinar o fenômeno da patemização em publicidades impressas de alimentos. O estudo baseia-se, fundamentalmente, na Teoria Semiolinguística do Discurso, proposta por Patrick Charaudeau, lugar teórico- -metodológico em que se concebe o pathos como visada de efeito. Integram também os pressupostos teóricos deste trabalho as propostas sobre argumentação, de Plantin (2010, 2011), e as contribuições de Gouvêa (2017), acerca das estratégias de patemização. Procurou-se ainda articular esses postulados com estudos das áreas de Comunicação e de Nutrição. Após a análise do corpus, composto por 26 anúncios publicitários, veiculados entre os anos de 2005 e 2018 na revista Veja, foi possível observar que o sujeito da enunciação se utiliza de variadas estratégias para seduzir o auditório. Ao longo desta dissertação, buscou-se investigar quais seriam as estratégias linguístico-discursivas utilizadas na publicidade impressa de alimentos para seduzir pelas emoções, hipótese geral que norteia esta pesquisa. Pretende-se colaborar com os estudos da Análise do Discurso, apresentando possíveis relações interdisciplinares entre a Semiolinguística e estudos de Comunicação e de Nutrição. Ademais, espera-se contribuir para a construção de uma visão crítica do consumidor, a fim de o proteger de práticas publicitárias que podem induzi-lo à aquisição de alimentos ultraprocessados, e para a promoção da alimentação adequada e saudável.

Palavras-chave:Patemização; Publicidade; Alimentos.

Abstract

This dissertation intends to examine the phenomenon of patemization in printed publicity of food. This study focus itself, fundamentally, in Patrick Charaudeau’s Semiolinguistics Theory, a theoretical and methodological topós that conceives the pathós as an effect target. The proposals about argumentation also integrate the theoretical suppositions of this dissertation, by Plantin (2010, 2011), as well the contributions of Gouvêa (2017), about the patemization strategies. We also intended to articulate these postulates with studies in both areas of Communication and Nutrition. After the analysis of the corpus, composed by 26 advertisements, disseminated between 2005 and 2018 in Veja magazine, we could observe many strategies used by the enunciation subject in order to seduce the audiences. Along this work, we tried to investigate which would be the linguistic and discursive strategies used in the printed publicity of food to seduce by emotions – the main hypothesis which guides this research. We will collaborate with the studies of Discourse Analysis, presenting possible interdisciplinary relations between Semiolinguistics and the studies of Communication and Nutrition. Besides, we hope to contribute to the building of the consumers’ critic vision, in order to protect them from advertising practices that might induce them to acquire ultraprocessed foods, and to the promotion of adequate and healthy nutrition.

Keywords: Patemization; Advertising; Nutrition.

Fernanda Oliveira da Silva

Título : Angústia e transformação em Niketche: uma história de poligamia, de Paulina Chiziane

Orientador(a): Doutora Maria Teresa Salgado Guimarães da Silva

Ano da defesa: 2021

Páginas:82

Resumo

Esta tese propõe uma análise das imagens de espaço na escrita de Mia Couto, tendo como referência os romances Terra Sonâmbula (1992), A Varanda do frangipani (1996), Um rio chamado tempo, uma casa chamada terra (2002), O outro pé da sereia (2006) e A Confissão da leoa (2012). Com os subsídios críticos provenientes de estudiosos da obra de Mia Couto e, em geral, do universo das literaturas africanas e com as contribuições teóricas vindas, sobretudo, da Teoria Literária e da Geografia, veremos como o espaço desempenha um importante papel na escrita do autor moçambicano. Observaremos como o espaço se relaciona com o tempo e contribui para a elaboração de um determinado tipo de personagem. Pelo fato de quase sempre inventar nomes para as terras que acolhem as personagens, desobrigando-se do peso de um referente concreto, Mia Couto nem sempre descreve com excessivos detalhes os lugares focalizados. Mas esses espaços não deixam de ter vigor. Em processo de interdependência com outras categorias, eles são também sugeridos no processo de caracterização do tempo, das personagens e, inclusive, nos diálogos entre estas últimas a partir de procedimentos como a metonímia e a metáfora. Depois de uma aproximação entre a teoria que se ocupa do espaço e a obra de Mia Couto, atentaremos para os laços entre espaço e deslocamento e entre espaço e sentimento, para nós as duas principais ligações mobilizadas pela escrita do autor moçambicano. Por isso, além da noção de deslocamento, observaremos os espaços de (aparente) “fixação”, dando aqui ênfase à casa.

Palavras-chave: Mia Couto; Romance; Espaço; Deslocamento; Personagem.

Abstract

This thesis proposes an analysis of the space images in Mia Couto’s writing, having as a reference the novels Terra Sonâmbula (1992), A Varanda do frangipani (1996), Um rio chamado tempo, uma casa chamada terra (2002), O outro pé da sereia (2006) e A Confissão da leoa (2012). With the critical input from scholars of Mia Couto’s work and, generally, from the universe of African literature and with the theoretical contributions particularly from Literary Theory and Geography, we will analyze how space plays an important role in Mia Couto’s writing. We will observe how space is related to time and how it contributes to the creation of a certain type of character. By almost always inventing names for the lands that shelter these characters, and thus freed from the weight of a particular reference, Mia Couto not always describes the focalized places with excessive details. Even then, these spaces do not lack the necessary vigor. In the process of interdependence with other categories, they are also suggested in the process of the characterization of the time, the characters and even in the dialogues between these characters using procedures such as metonymy and metaphor. After an approximation between the theory that deals with space and Mia Couto’ work, we will cover the links between space and displacement and between space and sentiment, which in our opinion are the two main links mobilized by the writing of the Moçambican author. For this reason, in addition to the notion of displacement, we will observe the spaces of (apparent) “fixation”, giving here an emphasis on home.

Keywords: Mia Couto; Romance; Space; Time; Characters

 

Flaviana dos Santos Silva

Título : Entre o poético e o político: Noémia de Sousa e o pulsar crítico de sua metapoesia

Orientador(a): Professora Doutora Carmen Lucia Tindó Ribeiro Secco

Ano da defesa: 2021

Páginas: 126

Resumo

Resumo completo da dissertação: A moçambicana Noémia de Sousa, a partir de um consciente labor metapoético, engendrou uma série de reflexões críticas acerca do seu papel de poeta e da razão do existir de sua poesia. Assim, no corpo da escrita de Sangue negro (2001), livro que reuniu a produção da autora, publicada, antes, em jornais de Moçambique, entre os anos de 1948 e 1951, estão inseridos seus textos metapoéticos, dos quais se depreendem sua consciência criativa e o modo como discorre sobre sua poesia. Pensando nesses aspectos, esta dissertação explora, com o suporte teórico da metalinguagem e de estudos sobre colonialismo e acerca da história de Moçambique, a evidente relação de Sangue negro com o contexto social e político moçambicano dos finais dos anos 1940 e início dos 1950 e com a própria poeta, que vivenciou e recriou esse (seu) tempo com suas afecções criadoras e pensamentos críticos em cada um dos poemas de sua obra, cujo corpo se tece pela filtragem estética de cada verso, de cada palavra. Além disso, busca-se explicitar que o sujeito
lírico dos poemas de Noémia se expressa não apenas como corpo de emoção, mas também como corpo de consciência, inclusive apto a intertextualizar parte de sua respectiva produção com a criação de metapoemas que funcionam como chaves de compreensão de sua obra e de sua postura poética e política.

Palavras-chave: Noémia de Sousa; poesia moçambicana; metapoesia; política; estética.

Abstract

The Mozambican Noémia de Sousa, from a conscious metapoetic work, generated a series of critical reflections about her place as a poet and the reason for the existence of her poetry. Thus, in the writing of Sangue negro (2001), the book that brought together her production, previously published in newspapers in Mozambique between the years of 1948 and 1951, she inserted her metapoetic texts, that infer her creative conscience and the way she talks about her poetry. Thinking about these aspects, this dissertation explores, with the support of metalanguage`s theory and studies about colonialism and the Mozambique`s
history, the evident relationship of Sangue negro with the social and political context Mozambican in the late 1940s and Early 1950s and with the poet herself, who experienced and recreated this (your own) time with her creative affections and critical thoughts in each of the poems in this doing, whose the body is woven by the aesthetic filtering of each verse, from every word. In addition, it seeks to clarify that the lyrical subject of Noémia`s poems is expressed not only as a body of emotion, but also as a body of conscience, with the intertextuality as part of their respective production with the creation of metapoems that work
as keys to understanding his work and posture poetics and politics.

Keywords: Noémia de Sousa; Mozambican poetry; metapoetry; politics; esthetics.

Gabriel Dottling Dias

Título : Entre Fotografias, Sonhos e Maravilhas: A Escrita de Alice em O Fotógrafo e a Rapariga, de Mário Cláudio

Orientador(a): Professora Doutora Luci Ruas Pereira

Ano da defesa: 2021

Páginas: 90

Resumo

Esta dissertação tem por objetivo elaborar uma leitura crítica do romance O Fotógrafo e a Rapariga (2015), do escritor português Mário Cláudio, levando em conta, na narrativa, a construção da personagem Alice Liddell através de procedimentos que envolvem a questão da memória – o que lhe permite (re)escrever, no romance, a sua própria história. Para isso, será necessário esmiuçar o elaborado jogo narrativo e intertextual que atravessa o romance: uma voz narrativa cindida entre uma performance autoral representada, num primeiro momento, por uma relato atravessado pelo luto diante da morte de seu marido; e, num segundo momento, aquilo que poderíamos chamar de uma despersonalização do sujeito que se metamorfoseia numa outra voz narrativa capaz de rasurar sua própria identidade para narrar as memórias de sua infância e o encontro amoroso com o fotógrafo Charles Dodgson.

Para analisar a narrativa, que é tensionada, ora pelo autobiográfico, ora pelo biográfico, de Alice, recorremos a suas memórias, seus sonhos, seus devaneios, suas narrativas e a atualização de outros textos trazidos como recurso intertextual como modo de se lidar com a própria solidão, tecendo e destecendo uma série de histórias que atravessaram a cultura portuguesa e outras culturas. Para isso, baseamo-nos em reflexões de Hélène Cixous (1986), Georges DidiHuberman (2010; 2012; 2013a; 2013b; 2015), Maurice Blanchot (1997; 2013), Jacques Derrida (2010), Sigmund Freud (2001; 2011; 2015), Roland Barthes (1994; 2012; 2015) – teóricos que o a narrativa nos convoca a visitar. O objetivo é demonstrar como a obra de Mário Cláudio propõe um diálogo não somente com a história do artista eleito para ser biografado, mas com outros artistas. Cremos poder assim contribuir para os estudos em torno da já vasta obra crítica sobre Mário Cláudio.

Palavras-chave: Narrativa portuguesa contemporânea; Mário Cláudio; O Fotógrafo e a Rapariga; Intertextualidade; Alice no país das Maravilhas; Lewis Carroll.

Abstract

This dissertation intends to elaborate a critical analysis of the the novel O Fotógrafo e a Rapariga (2015), written by Portuguese author Mário Cláudio, considering, in terms of the narrative, the building of the character Alice Liddell through devices that are related to the memory, which allows her to (re)write her own story in the novel. In order to do so, it will be necessary to scrutinize the elaborated narrative and intertextual game that pervades the novel: at first, we see Alice’s voice with an authorial performance building a narrative filled with grief due to the loss of her husband. Then, her voice shifts to the third person, in a process that can be called “depersonalization of the subject”, who metamorphoses in another voice that is able to restore her own identity, so she can tell her childhood memories and the romantic meeting with the photographer Charles Dodgson.

In order to analyze the narrative, which alternates an autobiography told by Alice and the biographer’s perspective, we well be approaching her memories, dreams, wanderings, narratives, and the revision of other texts brought as intertextual resources as a way of dealing with solitude, weaving and unweaving a series of stories that crosses the Portuguese culture and others. To accomplish this, we used the reflections of Hélène Cixous (1986), Georges DidiHuberman (2010; 2012; 2013a; 2013b; 2015), Maurice Blanchot (1997; 2013), Jacques Derrida (2010), Sigmund Freud (2001; 2011; 2015), Roland Barthes (1994; 2012; 2015) – theorists that the narrative invites us to visit. The goal here is to demonstrate how Mário Cláudio’s work proposes a dialog not only with the story of the artist that is the object of the biography, but with other artists too. Therefore, we believe we can contribute to other studies around the critical works about Mário Cláudio.

Keywords: Contemporary portuguesa narrative; Mário Cláudio; O Fotógrafo e a Rapariga; intertextuality; photography; Alice in Wonderland; Lewis Carroll

Gabriel Guimarães Peixoto da Silva

Título: “Pega essa carta e rasga”: a implementação do objeto nulo a partir do acusativo anafórico de 3a pessoa no Português brasileiro

Orientador(a): Professora Doutora Silvia Regina de Oliveira Cavalcante

Ano da defesa: 2021

Páginas: 189

Resumo

Na presente Dissertação, apresentamos uma análise, baseada na Teoria Gerativa, da implementação/disseminação do objeto nulo no Português brasileiro (PB) em cartas pessoais brasileiras, a partir das realizações do acusativo anafórico de terceira pessoa, em uma perspectiva diacrônica. A literatura produzida até aqui tanto sobre o objeto nulo do PB quanto sobre as realizações do acusativo anafórico nos indica que, na variedade brasileira do português, o objeto nulo é a forma preferida dos brasileiros para a realização do acusativo anafórico. Vários trabalhos (CYRINO, 1994, 1997, 2000, 2019; DUARTE, 1986, 1989; TARALLO, 1993; SOLEDADE, 2011; MARQUES DE SOUSA, 2017, dentre outros), que utilizam tanto dados sincrônicos quanto diacrônicos, nos mais diversos gêneros, relacionam essa preferência a fatores como animacidade e especificidade do antecedente, queda dos clíticos de terceira pessoa e posição sintática do antecedente, por exemplo. A questão, entretanto, é que, por mais que tenhamos essa visão ampla do tema, não se verificou até então como se deu a implementação, de modo diacrônico, do objeto nulo nos textos escritos. Ou seja, quais fatores e contextos envolvidos; o percentual de implementação; comparação com os demais gêneros; se essa implementação na escrita se deu da mesma forma como na fala ou não; e se as mudanças atestadas até aqui são sistemáticas ou relacionadas aos diferentes gêneros. Por essa razão, utilizamos cartas pessoais, escritas por brasileiros nascidos durante o século XX, que são um gênero propício para resgatar as inovações da fala e o conservadorismo da escrita. Nosso corpus, pertencente ao acervo do HistLing – UFRJ, é composto por uma amostra representante de três períodos de nascimento distintos: I- Casal JaymeMaria (1900-1925); II- Família Salgado Lacerda (1950-1975); e III- Missivistas variados do século XXI (1976-2000). Nossos resultados confirmam as pesquisas anteriores, principalmente no que se refere à preferência do objeto nulo em detrimento das demais formas do acusativo anafórico de terceira pessoa, a queda quase completa dos clíticos de terceira, além dos contextos de favorecimento e de restrição do objeto nulo em comparação com as demais realizações do acusativo anafórico. Também mostramos que a implementação do objeto nulo na escrita das cartas pessoais se deu de modo semelhante à fala, revelando que a mudança pela qual passou o PB não é reflexo dos diferentes gêneros, mas da gramática.

Palavras-chave: Objeto nulo; acusativo anafórico; clítico acusativo; implementação da mudança linguística.

Abstract

In this dissertation, we present an analysis, based on the Generative theory, of the implementation of the null object in Brazilian Portuguese (BP) in Brazilian personal letters, from the constructions of the anaphoric accuser 3rd person, in a diachronic perspective. The literature produced so far both on the null object of BP and on the constructions of the anaphoric accusative indicates that, in the Brazilian variant of Portuguese, the null object is the preferred form of Brazilians for the variation of the anaphoric accusative. Several works (CYRINO, 1994, 1997, 2000, 2019; DUARTE, 1986, 1989; TARALLO, 1993; SOLEDADE, 2011; MARQUES DE SOUSA, 2017, among others), which use both synchronic and diachronic data, in the most diverse genres, they relate this preference to factors such as the animacity and specificity of the antecedent, the fall of the 3rd person clitics and the syntactic position of the antecedent, for example. The point, however, is that, as much as we have this broad view of the theme, it has not yet been verified how the implementation of the null object in the written texts took place in a diachronic way. That is, what factors and contexts are involved; the percentage of implementation; comparison with other genders; whether this implementation in writing took place in the same way as in speech or not; and whether the changes attested so far are systematic or related to different genders. For this reason, we used personal letters, written by Brazilians born during the 20th century, that are a propitious genre to rescue the innovations of speech and the conservatism of writing. Our corpus, belonging to the HistLing – UFRJ, is composed of a representative sample of three different birth periods: I- Jayme-Maria couple (1900-1925); II- Salgado Lacerda family (1950-1975); and III- 21st century varied missivists (1976-2000). Our results confirm previous research, mainly with regard to the preference of the null object over the other forms of the anaphoric accusative 3rd person, the almost complete fall of the 3rd person clitic, in addition to the contexts of favoring and restricting the null object in comparison with the other constructions of the anaphoric accusative. We also showed that the implementation of the null object in the writing of personal letters took place in a similar way to speech, revealing that the change that the BP has undergone is not a reflection of different genres, but of grammar.

Keywords: Null object; anaphoric accusative; clitic; implementation of linguistic change

Giulia Wanderley Chianello

Título: Herança francesa: Ferdinand Denis e seu legado no processo de desenvolvimento da literatura romântica brasileira.

Orientador(a): Prof. Dr. Godofredo de Oliveira Neto

Ano da defesa: 2021

Páginas: 76

Resumo

A presente dissertação se dedica a analisar o papel desempenhado pelo viajante francês Ferdinand Denis para o desenvolvimento do romantismo no Brasil no século XIX. Em um período de busca as verdadeiras bases literárias, vista a recente independência política, o Novo Mundo se via perdido em meio às influências coloniais portuguesas. Diante disso, a partir da análise comparativa entre as obras Os Maxacalis (1824), de Ferdinand Denis e O Guarani (1857), de José de Alencar, se traçarão as contribuições que a escrita daquele autor possibilitou ao projeto romântico, especialmente no que se refere à busca de elementos que pudessem ser o fio condutor dessa literatura em formação. A temática indianista, nesse sentido, ganha no presente trabalho protagonismo e, por isso, a análise das representações da figura indígena nas narrativas propõe fundamentais compreensões do período literário que se estabelecia no século XIX. Assim, a fim de possibilitar tais reflexões, a retomada do panorama histórico de pré e pós-independência, a investigação de conceitos como os de identidade, nação e literatura de viagem e a revisão da fortuna crítica produzida, especialmente, sobre Denis aferem a importância exercida por ele em relação à literatura. Logo, esse estudo visa colaborar com as pesquisas da historiografia literária e o persistente processo da construção de uma nacionalidade, bem como para a ampliação e aprofundamento do papel de Ferdinand Denis neste cenário.

Palavras-chave: Literatura brasileira; Ferdinand Denis; Romance indianista; José de Alencar.

Abstract

The present study aims to analyze the role played by the French traveler Ferdinand Denis for the development of Brazilian romanticism in the 19th century. During a period that aimed to search for new and true literary foundations, regarding the recent political independence, the New World saw itself lost among the Portuguese colonial influences. Therefore, contributions to the romantic project made possible by the author’s writing will be outlined based on the comparative analysis between the literary works Os Maxacalis (1824) by Ferdinand Denis and O Guarani (1857) by José de Alencar, especially when it comes to the search for elements that could be the main thread for this developing literature. The Indianist theme gains prominence in this study. Because of that, the analysis of the indigenous figure representation in the narratives proposes essential understanding of the literary period that stablished itself in the 19th century. Thus, in order to make these considerations possible, the revival of the historical overview of the pre and post-Independence; the investigation of concepts such as identity, nation and travel literature; and the revision of the critical fortune produced specially about Denis assess the importance performed by him in relation to literature. Therefore, the present study aims to contribute to the research of literary historiography and the persistent process of building a nationality, as well as the ampliation and deepening of Ferdinand Denis in this scenario.

Keywords: Brazilian Literature; Ferdinand Denis; Indianist Novel; José de Alencar.

Graziela Dantas de Oliveira Almeida

Título : Entre confete e serpentina: o carnaval das máscaras em João do Rio

Orientador(a): Prof. Dr. Godofredo de Oliveira Neto

Ano da defesa: 2021

Páginas: 130

Resumo

A presente dissertação de mestrado consiste em analisar a vinculação do cronista carioca da Belle Époque, João do Rio, à estética decadentista. Sustenta-se que o escritor, responsável por retratar as vicissitudes do perímetro urbano na então Capital Federal, alinha-se à linhagem dos autores decadentistas finisseculares, uma vez que toma a cidade como pano de fundo para sua urdidura literária, e adota o carnaval como contexto em que se desenrolam as tramas. A predileção dos escritores decadentes por retratar os acontecimentos na época carnavalesca decorre do fato de, neste período, serem suspensos os crivos morais, gerando uma subversão no quadro de valores que regem o aparato social; além do uso satisfatório da máscara, disfarce que potencializa a alteridade, sinalizando o convite de que qualquer um poderia ser o que quisesse durante os dias do festejo. Com base nos contos que foram investigados, “O bebê de tarlatana rosa” e “O carro da semana santa”, observa-se o interesse de João do Rio pelos espaços públicos, como cenários de circulação de pessoas de classes sociais diferentes, e pela temática do carnaval, cuja suspensão da ordem social propicia o simulacro dos personagens, que se apresentam escondidos por detrás de uma aparência forjada.

Palavras-chave: João do Rio; Decadentismo; Carnaval; Máscaras.

Abstract

The present master’s dissertation consists in analyzing the link between the carioca chronicler of the Belle Époque, João do Rio, and the decadentist aesthetics. It is argued that the writer, responsible for portraying the vicissitudes of the urban perimeter in the then Federal Capital, is aligned with the lineage of the finissecular decadentist authors, since he takes the city as a backdrop for his literary warp, and adopts carnival as the context in which the plots unfold. The decadent writers’ predilection for depicting events during the carnival season stems from the fact that, during this period, moral sieves are suspended, generating a subversion in the framework of values that govern the social apparatus; besides the satisfactory use of the mask, a disguise that enhances otherness, signaling the invitation that anyone could be anything they wanted during the days of the festivities. Based on the investigated short stories, “O bebê de tarlatana rosa” and “O carro da semana santa”, one can observe João do Rio’s interest for public spaces, as scenarios of circulation of people from different social classes, and for the carnival theme, whose suspension of the social order propitiates the simulacrum of the characters, who present themselves hidden behind a forged appearance.

Keywords: João do Rio; Decadentism; Carnival; Maks.

 

Janaína Varello Coelho

Título: Metalinguagem, corpo e natureza em Gilka Machado

Orientador(a): Prof. Dr. Gilberto Araújo de Vasconcelos Júnior de Souza

Ano da defesa: 2021

Páginas: 72

Resumo

A poetisa brasileira Gilka Machado se notabilizou pela expressão arrojada e pelo questionamento de algumas convenções sociais e literárias. Por longo período, suas produções sofreram retaliações, ficando à margem do cânone literário, mas tem sido resgatada por estudiosos e apontada como a pioneira da poesia erótica de autoria feminina no Brasil. Tendo a autora sido mais contemplada pela extensa fortuna crítica que se debruçou sobre o erotismo, este trabalho propõe um olhar mais atento à sua produção metalinguística. A partir dos estudos de Jakobson e das matrizes estrangeiras que embasam essa tendência à metalinguagem, veremos como ocorre o desdobramento do movimento simbolista na poética gilkiana, considerando a contemporaneidade de ambos. Tais observações serão tensionadas para o entendimento de uma arte fundamentada na inovação e otimizada pela reflexão acerca do verso. Percorreremos as origens francesas do movimento, detendo-nos em Baudelaire e Mallarmé e, fora do âmbito do Símbolo, na metodologia de criação de Poe no ensaio A filosofia da composição. Por fim, analisaremos detidamente os poemas metalinguísticos de Gilka Machado. Os apontamentos de Claude Esteban (1991), Samira Chalhub (1986), Cassiana Lacerda Carollo (1980), Fulvia M.L Moretto (1989) e M.H. Abrams (2012), entre outros, contribuirão para o exame dos mecanismos de sua criação poética. Além disso, o diálogo entre literatura e dança, esmiuçado por Soraia Maria Silva no seu livro Poemadançando: Gilka Machado e Eros Volúsia, enriquecerá o entendimento da poética de Gilka.

Palavras-chave: Poesia Brasileira; Gilka Machado; metalinguagem; Simbolismo

Abstract

The Brazilian poet Gilka Machado became notorious for her audacious expression and interrogation of some social and literary conventions. For a long time, her literary works have suffered retaliations from critics, being outside the Brazilian literary canon; in the last decades, however, scholars have rescued her work by and pointed her as the pioneer of erotic poetry of feminine authorship in Brazil. Gilka has become the most contemplated author by the extensive critique fortune over the eroticism and this research proposes a more attempted look to her own metalinguistic production. From Jakobson’s studies and foreign matrices that will substantiate this metalinguistic tendency, we will observe how occurs the unfolding of symbolism movement in Gilka’s poetry, considering both contemporaneity. We will stress these observations to the understanding of an art based on the innovation and improved by the reflection over the verse. In addition, we will range the French origins of the movement, covering specially Baudelaire e Mallarmé and, outside Symbolism, on the methodology of Edgar Allan Poe’s creation in the essay The Philosophy of composition. Finally, we will analyze carefully the metalinguistic poems of Gilka Machado. The notes of Claude Esteban (1991), Samira Chalhub (1986), Cassiana Lacerda Carollo (1980), Fulvia M. L. Moretto (1989) e M.H. Abrams (2012), among others, will contribute to the examinations of her poetical creation. Besides, the communication between literature and dance will enrich our understanding of Gilka’s poetry, based on Soraia Maria Silva’s book Poemadançando: Gilka Machado e Eros Volúsia.

Keywords:Brazilian poetry; Gilka Machado; metalanguage; Symbolism.

Jeane Nunes da Penha

Título: Construções com verbos suportes: uma análise socioconstrucionista

Orientador(a): Professora Doutora Marcia dos Santos Machado Vieira

Ano da defesa: 2021

Páginas: 177

Resumo

A presente dissertação focaliza o pareamento forma (morfossintática e lexical) e função (semântica, discursiva, pragmática e cognitiva) de construções de predicação com verbos suportes do Português Brasileiro do tipo [verbo suporte(-se) (uma) de X], tais como: dar(-se) (uma) de difícil, fazer(-se) de tonto(a), passar(-se) por inteligente, posar(-se) de bom moço, tirar de vítima. Esta investigação tem por base concepções oriundas da Linguística Funcional-Cognitiva (LANGACKER, 2008; BYBEE, 2003; DIESSEL, 2015), da compatibilização entre a Sociolinguística e o Funcionalismo norteamericano (WEINREICH, LABOV & HERZOG, 1968; TAVARES, 2013; TAVARES & GORSKI, 2015), da Gramática de Construções, orientações nas quais pesa a concepção de língua como rede de pareamentos forma-função (GOLDBERG, 1995 e 2006), em que há lugar para os fenômenos de variação (HILPERT, 2014; MACHADO VIEIRA, 2016) e mudança (TRAUGOTT & TROUSDALE, 2013), bem como para uma visão diassistemática dessa rede (HÖDER, 2012 e 2014). Objetivamos: (i) analisar as propriedades formais e funcionais envolvidas nesse tipo de construção do Português; (ii) examinar a configuração desses atributos tendo em vista os parâmetros produtividade, esquematicidade, composiciolalidade e contextualidade; (iii) projetar os (sub)esquemas construcionais e microconstruções que licenciam os construtos do corpus aqui sob exame; (iv) observar o que há de estabilização e variação, bem como se há indícios de mudança construcional e/ou de construcionalização; (v) examinar o que há de comum entre padrões do português e do espanhol a fim de projetar uma rede com perfil diassistêmico, que contemple diaconstruções; (vi) averiguar se as instâncias estão associadas por similaridade a outros padrões que transmitam a ideia da simulação; e (vii) verificar se o gênero textual influencia a escolha ou não dessas construções. Para tal, recorremos a uma análise qualitativa e quantitativa de instâncias de textos escritos de gêneros diversos (jornais e revistas onlines, redes sociais, blogs, sites de reclamação, Yahoo pergunta, etc.) com a ajuda da ferramenta de busca online google. Como hipótese cremos que: (i) seus construtos configuram uma estratégia discursiva adotada pelos falantes a fim de fingir uma condição física, mental, comportamental para lograr algo de seu interlocutor (real ou estimado); (ii) as construções de simulação doportuguês encontram-se num continuum de cristalização estrutural, sendo os dados em foco neste trabalho aqueles cuja natureza é aberta a uma gama de possibilidades de preenchimento em todos os slots da construção, além da possibilidade de adição de outros à estrutura; (iii) em determinados contextos, a escolha entre uma forma ou outra não acarreta mudança no significado, o que as torna aloconstruções; (iv) o frame discursivo seria um dos fatores decisivos para a detecção das aloconstruções; (v) a construção mais esquemática de representação seria uma diaconstrução, uma vez que seria capaz de gerar dados em diferentes línguas românicas; (vi) por vezes, os falantes variam os construtos desse tipo de predicador recorrendo a outros verbos que denotem a mesma ideia de representação como estratégia discursiva, a fim de evitar repetição; e (vii) os dados tendem a ser mais produtivos em gêneros textuais em que não observamos alto nível de monitoramento da escrita. Por fim, propomos uma representação construcionista dos pareamentos detectados entre os quais se revelam relações verticais e horizontais. Com isso, esperamos contribuir para o conhecimento sobre a descrição de construções com verbos suportes pautadas no uso, levando em consideração seus funcionamentos em situações sociointeracionais. Esta dissertação soma contribuição empírica sobre a temática gramatical de predicador complexo aos esforços descritivo-explicativos para os quais construcionistas se voltam ao buscarem lidar com a realidade psicológica de generalizações sobre variantes linguísticas entre as generalizações que fazem parte do conhecimento de uma língua e generalizações que não são especificamente relacionadas a uma língua (idioconstruções), mas a de mais de uma língua (diaconstruções).

Palavras-chave: Predicador complexo; Representação; Construções com verbos suportes; Gramática de Construções; Socioconstrucionismo.

Abstract

This dissertation focuses on the pairing of (morphosyntactic and lexical) form and (semantic, discursive, pragmatic and cognitive) function that constitutes constructions with support verbs of Brazilian Portuguese related to the type [verbo suporte(-se) (uma) de X], such as: dar(-se) (uma) de difícil, fazer(-se) de tonto(a), passar(-se) por inteligente, posar(-se) de bom moço, tirar de vítima. This investigation is based on guidelines from Functional-Cognitive Linguistics (LANGACKER, 2008; BYBEE, 2003; DIESSEL, 2015), from the compatibility between Sociolinguistics and North American Functionalism (WEINREICH, LABOV & HERZOG, 1968; TAVARES, 2013; TAVARES & GORSKI, 2015), from the Construction Grammar, guidelines in which the concept of language as a form-function pairings network weighs (GOLDBERG, 1995 and 2006), in which there is a place for variation phenomena (HILPERT, 2014; MACHADO VIEIRA, 2016) and change (TRAUGOTT & TROUSDALE, 2013), as well as for a diasystematic view of this network (HÖDER, 2012 and 2014). We aim to: (i) analyze the formal and functional properties involved in this type of construction in Portuguese; (ii) examine the configuration of these attributes in view of the productivity, schematicity, composicionality and contextuality parameters; (iii) represent the constructional (sub)schemas and microconstructions that license the constructs of the corpus here under examination; (iv) observe what’s stabilization and variation, as well as if there are signs constructional change and/or constructionalization; (v) to examine what is common between Portuguese and Spanish standards in order to design a network with a diasystemic profile, which includes diaconstructions; (vi) observe if the instances are associated by similarity to other patterns that convey the idea of the simulation; and (vii) verify whether the textual genre influences the choice or not of these constructions. To this end, we use a qualitative and quantitative analysis of instances of different genres written texts (online newspapers and magazines, social networks, blogs, complaint sites, Yahoo question, etc.) with the help of the online search tool Google. As a hypothesis, we believe that: (i) their constructs configure a discursive strategy adopted by the speakers in order to pretend a physical, mental, behavioral condition to achieve something from their interlocutor (realor estimated); (ii) Portuguese simulation constructions are in a structural crystallization continuum, the data in focus in this work being those whose nature is open to a range of filling possibilities in all the construction slots, besides the possibility of adding others to the structure; (iii) in certain contexts, the choice between one form or another does not change the meaning, which makes them allostructions; (iv) the discursive frame would be one of the decisive factors for the detection of allostructions; (v) the most constructional schematic representation would be a diaconstruction, since it would be able to generate data in different Romance languages; (vi) sometimes, speakers vary the constructs licensed by this type of predicator using other verbs that denote the same idea of representation as a discursive strategy, in order to avoid repetition; and (vi) the data tend to be more productive in textual genres in which we do not observe a high level of monitoring of writing. Finally, we propose a constructionist representation of the detected pairings among which vertical and horizontal relationships are revealed. With this, we hope to contribute to the knowledge about the description of constructions with support verbs based on their use, taking into account their functioning in sociointeractional situations. This dissertation adds an empirical contribution on the grammatical theme of complex predicate to the descriptive-explanatory efforts towards which constructionists turn when trying to deal with the psychological reality of generalizations about linguistic variants among generalizations that are part of the knowledge of a language and generalizations that are not specifically related to one language (idioconstrctuions), but to more than one language (diaconstructions).

Keywords:Complex predicator; Representation; Constructions with support verbs; Construction Grammar; Socioconstructionism.

Juliana Telles de Sant’Anna Monte-Mor

Título: A casa em Adélia Prado

Orientador(a): Prof. Dr. Gilberto Araújo de Vasconcelos Júnior

Ano da defesa: 2021

Páginas: 115

Resumo

Desde tempos imemoriais, a casa está condicionada ao ideal de acolhimento e abrigo. Espacialidade que inaugura o modo de estar no mundo, na poesia de Adélia Prado, esse território é experimentado em profundidade e reiteradamente surge pródigo em surpresas e epifanias flagradas nas simplicidades das práticas do cotidiano. Abrindo portas e janelas e percorrendo essa morada, é possível encontrar amostras líricas de abundante apelo visual e sinestésico. O mundo objetivo da matéria serve de estopim para investigar o dia a dia elaborado pelo sujeito lírico feminino que, por meio da domesticidade voluntária, entrelaça o espaço vivido com a dimensão íntima, formando uma amálgama iluminada pela poesia. Desde Bagagem (1976), a figura da casa como cenário essencial e particular desponta com vigor. A fim de sedimentar nossa investigação, suportes teóricos como Gaston Bachelard, Ozíris Borges Filho e Fernando Freitas Fuão fundamentaram estudos importantes acerca da espacialidade e, a partir deles, solidificamos nossa averiguação até o momento terminante da lírica adeliana. Das obras de Adélia Prado, privilegiamos Bagagem (1976), O coração disparado (1978) e A duração do dia (2010). Desses volumes, extraímos o corpus fundamental para a abordagem do tema proposto.

Palavras-chave: Adélia Prado; casa; poesia, topoanálise.

Abstract

Since time immemorial, the house has been conditioned to the ideal of welcome and shelter. Spatiality that inaugurates the way of being in the world, in Adélia Prado’s poetry, this territory is experienced in depth and repeatedly appears lavish in surprises and epiphanies caught in the simplicity of everyday practices. Opening doors and windows and walking around this address, it is possible to find lyrical samples of abundant visual and kinesthetic appeal. The objective world of matter serves as a trigger to investigate the daily life elaborated by the female lyrical subject who, through voluntary domesticity, interweaves the lived space with the intimate dimension, forming an amalgam illuminated by poetry. Since its debut, the figure of the house as an essential and particular setting emerges with vigor. In order to consolidate our investigation, theoretical supports such as Gaston Bachelard, Oziris Borges Filho and Fernando Freitas Fuão founded important studies on spatiality, and from them, we solidified our investigation until the final moment of adelian lyricism. From the works of Adélia Prado, we favor Bagagem (1976), O Coração disparado (1978) and Duração do dia (2010). From these volumes we extract the fundamental corpus to approach the proposed theme.

Keywords: Adélia Prado; home; poetry, topoanalysis.

Luan de Sousa Guimarães

Título: A representação do sujeito proposicional em peças de teatro portuguesas: um estudo diacrônico

Orientador(a): Professora Doutora Maria Eugenia Lammoglia Duarte

Ano da defesa: 2021

Páginas:110

Resumo

O objetivo deste trabalho é apresentar uma análise da representação do sujeito proposicional no Português Europeu (PE), numa perspectiva diacrônica, e comparar os resultados com os obtidos por Duarte, Mourão e Guimarães (2012) para o Português Brasileiro (PB), baseando-se numa amostra de peças de teatro portuguesas escritas ao longo dos séculos XIX e XX, distribuídas em sete períodos de tempo correspondentes aos levantados para as peças brasileiras. A análise de Duarte, Mourão e Guimarães (2012) aponta certa resistência à implementação do pronome neutro isso, ao contrário do que ocorre com a realização plena dos pronomes de referência definida e indefinida (arbitrários e genéricos), o que confirmou o efeito da hierarquia referencial (CYRINO, DUARTE e KATO, 2000), mas foi observada uma tendência de mudança na última sincronia analisada (anos 1990). A hipótese para o PE, um sistema de sujeitos nulos “consistente” (ROBERTS e HOLMBERG, 2010), é que o sujeito nulo se mostre a variante preferida ao longo das sincronias. A análise toma o modelo de estudo da mudança proposto por Weinreich, Labov e Herzog (2006 [1968]) e utiliza como componente gramatical o quadro de Princípios e Parâmetros (CHOMSKY, 1981) e reformulações em Biberauer et al. (2010), que auxilia na formulação de hipóteses de trabalho, no estabelecimento dos grupos de fatores, bem como na interpretação dos resultados, o que permite responder às questões colocadas pelo modelo variacionista. Os resultados confirmam a hipótese de que o PE mantém a preferência pelas formas não expressas no que diz respeito ao sujeito proposicional, um comportamento já revelado pelas investigações sobre os sujeitos definidos (MOURÃO, 2015) e indeterminados/ indefinidos (CARDOSO, 2017). A comparação com os resultados para o PB mostra comportamento semelhante ao PE, exceto na última sincronia, quando o PB exibe uma sugestão de afastamento do PE em direção ao sujeito expresso. Além disso, como também esperado, o sujeito proposicional nulo é altamente favorecido em construções com o verbo ser, encontrando seu contexto de inibição em ocorrências com outros tipos de verbos, sobretudo com os inacusativos.

Palavras-chave: sujeito proposicional; hierarquia referencial; parâmetro do sujeito nulo; português europeu; português brasileiro.

Abstract

The aim of this paper is to present an analysis of the representation of propositional (neuter) subjects in European Portuguese (EP) and to compare the results with those obtained by Duarte, Mourão and Guimarães (2012) for Brazilian Portuguese (BP), based on a sample of popular theatre plays written in Rio de Janeiro across the 19th and the 20th centuries, distributed in seven synchronies. In order to do so, the data analyzed come from a corpus composed by Portuguese plays with very similar distribution and social characteristics. Duarte, Mourão and Guimarães’ (2012) analysis points out a certain resistance to the implementation of the neuter pronoun isso (this/that/it), contrary to what occurs with the preference for overt referential subjects (definite and indefinite – arbitrary and generic) across the time, which confirmed the effect of the referential hierarchy in processes involving pronominalization (CYRINO, DUARTE & KATO, 2000), but a suggestion of change was noticed in the last synchrony (years 1990). The hypothesis for EP, a “consistent” null subject language (ROBERTS & HOLMBERG, 2010), was that the null subject will be preferred and stable across the synchronies. The analysis uses the model to study language variation and change, proposed by Weinreich, Labov and Herzog (2006 [1968]) and uses, as a grammatical component, the framework of Principles and Parameters (CHOMSKY, 1981) and reformulations in Biberauer et al. (2010), which guides the formulation of hypotheses, the establishment of factor groups as well as the interpretation of the results. This is very important to answer the questions proposed by the variationist program. The results confirm the main hypothesis, according to which EP prefers null propositional subjects, particularly from the second synchrony, the same behavior attested by referential subjects. The comparison with BP shows a very close behavior between the two varieties, except for the last synchrony, When BP seems to turn away from EP, towards overt pronouns. As also expected, the null propositional subject is highly favored by verb to be, while unaccusative verbs represent less resistance to the implementation of overt neuter subjects.

Keywords:propositional subjects; referential hierarchy; null subject parameter; european portuguese; brazilian portuguese.

Luiz Felipe da Silva Durval

Título : A abordagem dos sinais de pontuação pelo viés sintático: diagnose e contribuições para o ensino

Orientador(a): Professora Doutora Silvia Rodrigues Vieira

Ano da defesa: 2021

Páginas: 117

Resumo

Este trabalho tem como objetivos fazer uma diagnose dos problemas relacionados a pontuação e sintaxe nos textos de alunos egressos da Educação Básica e contribuir para o ensino da pontuação, sugerindo encaminhamentos metodológicos para uma abordagem do tema pelo viés sintático. O enfoque desta pesquisa está no uso do ponto e da vírgula, ou seja, sinais com função de sequencialização, aqueles responsáveis pela segmentação da linearidade da escrita, pela delimitação de estruturas sintáticas. Toda a investigação se desenvolveu em observação aos estudos sobre pontuação de Catach (1980), Nunberg (1990) e Dahlet (2006), assumindo a perspectiva dos sinais de nível de frase como operadores sintático-semânticos. A partir de análises quantitativa e qualitativa de dados levantados de textos dissertativos-argumentativos produzidos por vestibulandos, mapeamos os contextos em que ocorrem usos de ponto e de vírgula não previstos nos compêndios gramaticais, buscando compreender as motivações para tais desvios. Resultados mostram que o domínio do sistema pontuacional está intimamente relacionado a outras habilidades necessárias para a produção textual. A análise aponta também para a influência da língua oral sobre o uso da vírgula e para a necessidade do desenvolvimento de uma consciência metacognitiva acerca da sintaxe da língua para que se pontue bem. Com base nessa diagnose, propusemos um caminho didático-pedagógico para um ensino produtivo dos sinais de sequencialização. As propostas para o ensino consideram a abordagem reflexiva da gramática e a relação gramática-texto, com base em estudos como Vieira (2014, 2018), Pilati (2017), Franchi (2006), Neves (2006), Pauliukonis (2013), Pires de Oliveira e Quarezemin (2016), Roeper, Maia e Pilati (2020), entre outros.

Palavras-chave:pontuação, ensino de gramática, sintaxe.

RÉSUMÉ:

Les objectifs de cette recherche sont de faire un diagnostic des problèmes autour de la ponctuation et de la syntaxe, dans les textes des élèves diplômés du secondaire, et de contribuer à l’enseignement de la ponctuation en proposant des orientations méthodologiques pour une approche syntactique. Cette recherche se concentre sur l’utilisation de la virgule et du point, c’est-à-dire des signes de ponctuation qui ont la fonction de séquencement, responsables de segmenter la linéarité de l’écriture et délimiter des structures syntaxiques. L’ensemble du diagnostic a été élaboré grâce aux études sur la ponctuation de Catach (1980), Nunberg (1990) et Dahlet (2006), qui supposaient que les signaux au niveau de la phrase sont des opérateurs syntaxiques-sémantiques. À partir d’une analyse quantitative et qualitative des données recueillis des textes des élèves diplômés, nous avons catégorisé les contextes dans lesquels on peut trouver des utilisations de la virgule et du point. Parmi ces données, nous avons aperçu des exemples qui ne sont pas prévues dans les manuels de grammaire. Ensuite, nous essayons de comprendre les motivations de tels écarts. Les résultats montrent que la maîtrise du système de ponctuation est étroitement liée à d’autres compétences nécessaires à la production textuelle. L’analyse souligne également l’influence du langage oral sur l’utilisation des virgules et la nécessité de développer une conscience métacognitive de la syntaxe de la langue pour l’utilisation correcte des signes de ponctuation. Ce diagnostic nous a permis de proposer un parcours didactique-pédagogique pour un enseignement productif de la virgule et du point. Les propositions d’enseignement considèrent l’approche réflexive de la grammaire et la relation grammaire-texte, basé sur des études de Vieira (2014, 2018), Pilati (2017), Franchi (2006), Neves (2006), Pauliukonis (2013), Basso et Oliveira (2012), Pires de Oliveira et Quarezemin (2016), Roeper, Maia et Pilati (2020), entre autres.

Mots-clés: ponctuation, enseignement de la grammaire, syntaxe.

 

Mariana Belize Santos de Figueiredo

Título: Subjetividade e existência em a Lâmina do Espelho e As perguntas de Gauguin, de Ronaldo Lima Lins

Orientador(a): Adauri Silva Bastos

Ano da defesa: 2021

Páginas:123

Resumo

A presente dissertação se dedica aos romances A lâmina do espelho (1983) e As perguntas de Gauguin (1988), de Ronaldo Lima Lins. A proposta é relacioná-los à filosofia existencialista do escritor francês Jean-Paul Sartre, mais especificamente a partir de dois livros: o primeiro, O que é subjetividade? (2015), será lido em conjunto com o romance A lâmina do espelho; o segundo, O existencialismo é um humanismo (1987), será relacionado às ideias existencialistas contidas no romance As perguntas de Gauguin. O objeto desta análise é justamente a construção dos personagens nos dois romances. Já a hipótese que nos norteia é a de que, por meio de tais personagens, toda uma atmosfera política e social é exposta no tocante à sua relação com o tempo histórico a que as narrativas se vinculam e principalmente com as questões mais profundas presentes no existencialismo sartriano. Esta perspectiva permite verificar determinadas experimentações, inovações e transgressões praticadas por Ronaldo Lima Lins na construção dos personagens. A presente dissertação visa preencher uma das várias lacunas no estudo dos escritos de Ronaldo Lima Lins, contribuindo para a ampliação e o aprofundamento da pesquisa acadêmica relativa aos dois romances.

Palavras-chave: Literatura brasileira; Ronaldo Lima Lins; A lâmina do espelho; As perguntas de Gauguin; o personagem de ficção.

Abstract

This dissertation intends to analyze the novels A lâmina do espelho (1983) and As perguntas de Gauguin (1988), by Ronaldo Lima Lins. This research proposes to link them to the existentialist philosophy of the French writer Jean-Paul Sartre, more specifically from two books: the first, What is subjectivity? (2015), will be read together with the novel A lâmina do espelho; the second, Existentialism is a humanism (1987), will be related to the existentialist ideas contained in the novel As perguntas de Gauguin. The object of this analysis is precisely the construction of the characters in the novels by Ronaldo Lima Lins. The hypothesis that guides this work is that, through such characters, a whole political and social atmosphere is exposed in its relation to the historical time to which the novels are linked, but mainly to the deeper issues present in the Sartrian existentialism. This perspective allows us to verify experiments, innovations and transgressions by Ronaldo Lima Lins in constructing his characters. This dissertation aims to fill one of the several gaps in the studies of Ronaldo Lima Lins’ novels, contributing to the expansion and deepening of academic research concerning the two books.

Keywords: Brazilian literature; Ronaldo Lima Lins; A lâmina do espelho; As perguntas de Gauguin; the fictional character.

Miguel Rodrigues Simões Junior

  Título: O projeto literário de Machado de Assis

Orientador(a): Adauri Silva Bastos

Ano da defesa: 2021

Páginas: 114

Resumo

Esta dissertação objetiva analisar as técnicas utilizadas por Machado de Assis para estimular a capacidade de reflexão do leitor, uma vez que é levantada a hipótese de que foi a partir da concepção de um projeto literário que o escritor procurou promover o amadurecimento da literatura brasileira.
O primeiro capítulo demonstra como, através do multiperspectivismo narrativo e do drama de caracteres, Memórias póstumas de Brás Cubas (1881) explora os conflitos vividos pelos personagens sem se submeter a verdades únicas e absolutas. Em conjunto, essas técnicas suscitam uma pluralidade de interpretações, exigindo um leitor reflexivo o suficiente para empreendê-las. No segundo capítulo, procuramos demonstrar que, para estimular a capacidade
de reflexão do leitor, o ficcionista se utiliza da ironia como atitude crítica frente ao real. Por meio de ambivalências e lacunas, seu texto convida o leitor a questionar o mundo e repensar conceitos antes tidos como definitivos. No terceiro capítulo, focamos na maneira como se constrói seu narrador, do qual
interessa sobretudo a atitude reflexiva. Percebemos que o escritor espera uma postura semelhante do leitor, de modo a compreender as sutilezas da obra. Dessa maneira, torna-se possível observar nitidamente como o autor buscou o amadurecimento da literatura brasileira.

A suposição de que Machado de Assis tenha elaborado um projeto literário que abarca todos os seus escritos aponta para a hipótese de que sempre teve a consciência de que a linguagem não pode dizer tudo a respeito da realidade. Sua escrita indica uma nova relação do sujeito com o saber, onde o não-saber é necessário à produção de novas
reflexões. É exatamente por não existir conhecimento definitivo que se pode sempre construir novas maneiras de pensar – e, quem sabe, que a literatura logra perenidade.

Palavras-chave: Memórias póstumas de Brás Cubas; Machado de Assis; polissemia; ironia; narrador; reflexão.

Abstract

This dissertation aims to analyze the techniques used by Machado de Assis to stimulate the reflective capacity of his readers, following the assumption that the writer developed a whole project to promote the maturation of Brazilian literature. The first chapter demonstrates, through narrative multiperspectivism and
character drama, how Memórias póstumas de Brás Cubas (1881) focus the conflicts without submitting them to unique and absolute truths. Together, these techniques enable a plurality of interpretations of the narrative, requiring a reflective reader, able to seek and understand the nuances of Machado’s writings. During the second chapter we try to demonstrate that, in order to stimulate the capacity of his reader’s reflection, Machado de Assis used irony as a critical attitude in face of the reality. With its ambivalences and gaps, his texts invite the reader to question the world and rethink concepts previously taken as definitive. In the third chapter we pay attention to the way Machado de Assis builds his narrator, whose reflexive attitude interests us above all. We realize that the writer expects a similar posture from his reader, otherwise he doesn’t understand the subtlety of his work. In such way, it becomes possible to observe how the writer sought the maturation of Brazilian literature.

The assumption that Machado de Assis has elaborated a literary project that englobes all his writings points to the hypothesis that the author was always aware that language cannot explain everything. Machado’s writing indicates a new relationship between subject and knowledge, where not-knowing is necessary to produce new reflections. It is exactly because there is no definitive knowledge that one can be always building new ways of reflecting and that literature guarantees its perennity.

Keywords: Memórias póstumas de Brás Cubas; Machado de Assis; polysemy; irony; storyteller; reflection.

Natália Pereira Machado

Título: Dom Dinis: um fine amant galego-português

Orientador(a): Professora Doutora Teresa Cristina Cerdeira

Ano da defesa: 2021

Páginas: 94

Resumo

Este estudo parte da leitura da produção lírica em langue d’oc e em langue d’oil, método que permitiu confirmar, com exemplos concretos, o impacto que as cortes da chamada Provença («troubadours») e posteriormente do norte da França (Roman la Rose) exerceram sobre as cantigas de amor galego-portuguesas, neste caso muito especialmente sobre as cantigas de amor de el-rei D.Dinis. Mais do que constatar simplesmente a evidência dessa presença, neste trabalho objetiva-se observar mais detalhadamente, num corpo a corpo com o texto, o diálogo temático e estrutural que aí se travou. Esse intercâmbio nasceu evidentemente de uma tradição de movência do mundo medieval, que permitia o trânsito não apenas de mercadores ou o apelo religioso dos peregrinos, mas ainda a circulação cultural e muito especialmente da poesia e da música através da ação difusora de trovadores e jograis. Como um saber transmitido oralmente, essa tradição se espalhou pela Europa, ganhando, na Península Ibérica, um riquíssimo corpo literário escrito numa língua poética, o galego-português. Ler, nessa perspectiva, as cantigas de amor de D. Dinis é o intuito deste projeto.

Palavras-chave:: lírica provençal, Roman de la Rose, cantigas de amor, D. Dinis.

Abstract

This dissertation aims to investigate the hypercorrection of the coda (r) at the and of verbs, on digital texts, such as the following examples: a. ela estar linda; b. o moleque parecer comigo; c. eu também sentir isso. The discussion presented in this work evolves the linguistic motivating factors for the attachment of this segment and its status on portuguese. The data analysed are composed of verbs whose hypercorrected written forms are homonyms to the standard infinitive, in order to draw the relation between the hypercorrection and the morphological mark of infinitive, to identify how the phenomenon spreads into the class of verbs and to discuss conditioning contexts of the hypercorrection, bearing in mind the variability of the data. The perspective of Usage-based Models (BYBEE, 2002; GOMES, 2020), which claims that grammar emerges from usage through the interaction of domain-general cognitive processes, and that grammatical knowledge is stored on exemplars, that archive linguistic and non-linguistic data. The postulates of the Theory of Variation and Linguistic Change (WEINREICH, LABOV e HERZOG, 2006 [1968]), that allow for the examination on hypercorrection of the coda (r) as a variable process, are also consulted. The fixed effects analyses show the variables word’s extension and preceding vowel as significants. The random effects analyses show the item as a significant factor, pointing to a possible lexical conditioning of the phenomenon.

Keywords: provençal lyric, Roman de la Rose, cantigas de amor, D.Dinis

 

Nathalia Guedes de Araújo

 Título : A margem também fala: silêncio, travessia e voz em Neighbours, de Lília Momplé

Orientador(a): Professora Doutora Maria Teresa Salgado Guimarães da Silva

Ano da defesa: 2021

Páginas: 123

Resumo

Esta dissertação pretende analisar o romance da escritora moçambicana Lília Momplé, Neighbours (2012), investigando na narrativa o processo de silenciamento das personagens femininas. Estudaremos a priori a figura da mulher moçambicana ao longo da história, para buscar compreender, por meio de um olhar para o passado, a configuração das protagonistas femininas na representação literária da obra de Momplé. Observaremos também, com base nos estudos da linguista Eni Puccinelli Orlandi, quais tipos de silêncio identificamos na configuração das personagens e de que forma esse silenciamento é construído na narrativa e transborda para a superfície do texto. Por fim, analisaremos o processo de transgressão desse silenciamento e a aquisição de voz, de autonomia, assim como destacaremos a representação de uma nova geração de mulheres moçambicanas que se delineia na obra. Estudar as personagens femininas da obra de Lília Momplé é dar a chance de escuta à margem que sempre existiu, é dar espaço no centro para as narrativas de letra minúscula.

Palavras-chave: Silenciamento. Mulheres. Estereótipos. Transgressão.

RESUMEN

Esta disertación intenta analizar la novela de la escritora mozambiqueña Lília Momplé, Vecinos (2012), investigando en la narrativa el proceso de silenciamiento de personajes femeninos. Estudiaremos a priori la figura de la mujer mozambiqueña a lo largo de la historia, para intentar comprender, a través de una mirada al pasado, la configuración de protagonistas femeninas en la representación literaria de la obra de Momplé. También observaremos, a partir de los estudios del lingüista Eni Puccinelli Orlandi, qué tipos de silencio identificamos en la configuración de los personajes y cómo este silenciamiento se construye en la narrativa y se desborda a la superficie del texto. Finalmente, analizaremos el proceso de transgresión de este silenciamiento y la adquisición de voz, de autonomía, así como destacar la representación de una nueva generación de mujeres mozambiqueñas que se perfila en el trabajo. Estudiar los personajes femeninos en la obra de Lília Momplé es dar la oportunidad de escuchar los márgenes que siempre han existido, es dar espacio en el centro a las narrativas de minúsculas.

Palabras-llave: Silenciamiento. Mujeres. Estereotipos. Transgresión.

Nathália Rangel de Matos

Título: A transgressão feminina em Niketche: uma história de poligamia, de Paulina Chiziane

Orientador(a): Maria Teresa Salgado Guimarães da Silva

Ano da defesa: 2021

Páginas:89

Resumo

Este trabalho pretende analisar o romance Niketche: uma história de poligamia (2004), da escritora moçambicana Paulina Chiziane, investigando a transgressão feminina na obra. A autora, considerada a primeira mulher a publicar romances em Moçambique, invade um cenário majoritariamente masculino trazendo através do olhar feminino alguns assuntos que são considerados tabus, principalmente sendo tratados por uma mulher, como os conflitos entre a tradição e modernidade, o lobolo, a cristianização, a poligamia e a situação vivida pelas mulheres na sociedade local. Dessa forma, iniciaremos pensando na autora enquanto uma transgressora, uma mulher que ultrapassa os limites daquilo que estava socialmente pré-estabelecido para ela, a partir de entrevistas e testemunhos. Em seguida estudaremos a escrita transgressora de Paulina Chiziane, que se nega a receber o rótulo de romancista e que se afirma como uma contadora de histórias, e analisaremos os recursos narracionais que compõem a obra. E por fim, as personagens femininas do romance, com foco na personagem-narradora Rami, buscando entender o que leva as personagens a transgredirem e a se movimentarem na narrativa.

Palavras-chave:Transgressão. Paulina Chiziane. Literatura Moçambicana.

Abstract

Este trabajo pretende analizar la novela Niketche: una historia de la poligamia (2004), de la escritora mozambiqueña Paulina Chiziane, investigando la transgresión femenina en la obra. La autora, considerada la primera mujer en publicar novelas en Mozambique, invade un escenario mayoritariamente masculino, trayendo a través de la mirada femenina algunos temas que son considerados tabúes, siendo tratados principalmente por una mujer, como los conflictos entre tradición y modernidad, el lobolo, la cristianización, la poligamia y la situación que vive la mujer en la sociedad local. Así, comenzaremos pensando en la autora como una transgresora, una mujer que va más allá de los límites de lo socialmente preestablecido para ella, a partir de entrevistas y testimonios. A continuación, estudiaremos a la escritura transgresora de Paulina Chiziane, que se niega a recibir la etiqueta de novelista y que dice ser narradora, y analizaremos los recursos narrativos que componen la obra. Y finalmente, los personajes femeninos de la novela, centrándose en el personaje narrador Rami, buscando comprender qué impulsa a los personajes a transgredir y moverse en la narrativa.

Palabras-clave:Transgresión. Paulina Chiziane. Literatura mozambiqueña.

Phelipe Fernandes de Oliveira

Título :  Relações transtextuais na poética de Juó Bananére;

Orientador(a): Prof. Dr. Adauri Silva Bastos

Ano da defesa: 2021

Páginas: 130

Resumo

Esta dissertação estuda as relações transtextuais de “As cartas d’Abax’o Pigues” produzidas entre 1911 e 1915 pelo personagem cômico Juó Bananére, inventado por Alexandre Ribeiro Marcondes Machado (1892-1933). Compreendemos que a obra de Alexandre Machado se apoia sobre um regime lúdico de intervenção transtextual pela qual textos informativos e ficcionais se transformam, em operação realizada sempre pela ótica burlesca do personagem. Entendemos por transtextualidade o que foi definido por Gérard Genette, ou seja, “tudo aquilo que põe um texto em relação manifesta ou secreta com outro texto” (Palimpsestes, 1982, p. 7). As relações transtextuais – e suas derivações inter, para, meta, hiper e arquitextuais – garantem a literariedade do texto e sua condição de legibilidade como ficção. Dentre as formas transtextuais, privilegiamos a paratextualidade, uma vez que o texto publicado em jornal pressupõe um investimento de certos paratextos – capa, margem, título, assinatura etc. Compreendemos que esses paratextos são modeladores do sentido, isto é, codificam os elementos essenciais da enunciação de Juó Bananére, permitindo compreender a forma e o conteúdo históricos dos textos. Por isso, incluímos na pesquisa as análises dos paratextos editoriais feitas por Gérard Genette (1987). Propomos também trazer à cena a noção de gênero como articulador do sentido, isto é, a arquitextualidade, já que pela transformação cômica Bananére reinventa diversos gêneros presentes nos jornais da época, como a carta, a notícia, o telegrama e o editorial.

Palavras-chave:literatura brasileira; Juó Bananére; “As cartas d’Abax’o Pigues”; transtextualidade.

Abstract

This dissertation studies the transtextual relations of “As Cartas d’Abax’o Pigues”, produced between 1911 and 1915 by the comic character Juó Bananére, invented by Alexandre Ribeiro Marcondes Machado (1892-1933). We understand that Alexandre Machado’s work is based on a playful regime of transtextual intervention, through which informative and fictional texts are transformed, always operated by the character’s burlesque perspective. We understand by transtextuality what was defined by Gérard Genette as “everything that puts a text in a manifest or secret relationship with another text” (Palimpsestes, 1982, p. 7). Transtextual relations – and their inter, para, meta, hyper and architextual derivations – guarantee the literarity of the text and its readability condition as fiction. Among the transtextual forms, we favor paratextuality, since the text published in a newspaper presupposes an investment of certain paratexts – such as the cover, margin, title, signature etc. We understand that these paratexts are meaning modelers, i.e., they codify the essential elements of Juó Bananére’s enunciation, allowing us to understand the historical form and content of the texts. Therefore, we included in the research the analyzes of editorial paratexts elaborated by Gérard Genette (1987). We also propose to bring to the scene the notion of genre as an articulator of meaning, that is, architextuality, since through the comic transformation Bananére reinvents several genres present in newspapers of the time, such as letters, news, telegrams and editorials.

Palabras-clave:Brazilian literature; Juó Bananére; “As cartas d’Abax’o Pigues”; transtextuality.

Tiago Vieira de Souza

Título: O lusófono da voz fonogênica: um estudo da confixação de fono no Português Brasileiro

Orientador: Prof. Dr. Carlos Alexandre V. Gonçalves

Ano da defesa: 2021

Páginas: 74

Resumo

Este trabalho surge da pesquisa e análise do processo chamado confixação. Grande parte dos formativos ditos neoclássicos não apresenta mobilidade quanto à posição no vocábulo. No entanto, pretendo demonstrar que há radicais neoclássicos que não seguem o comportamento de aparecer numa posição pré-determinada. Na tradição francesa, Martinet (1979) denomina tais formas de confixos, orientação seguida por autores recentes como Radimský (2011) e Navrátil (2017). Com esta pesquisa, defendo a existência do processo de confixação no português do Brasil. Baseado em Radimský (2011) e Martinet (1979), compartilho da ideia de que um confixo, a exemplo de fono, constitui radical sem lugar predeterminado na estrutura da palavra, podendo figurar na margem esquerda (‘fonogênica’) ou na margem direita de uma construção morfológica complexa (‘lusófono’). Dessa maneira, temos, em ‘fonoestilística’/‘anglófono’ e ‘fonética’/‘telefonia’, bons exemplos de confixação, já que fono alterna o lugar nas formações complexas de que participa. Dentre as principais hipóteses do estudo, elenco as seguintes: (a) a confixação, em português, constitui-se como processo produtivo; (b) o formativo fono, em geral, apresenta diferença de significado e função quando ocorre em diferentes posições na estrutura da palavra; e, por fim, (c) mesmo a confixação sendo um processo de formação de palavras distinto, dependendo do confixo analisado, ora um membro dessa categoria pode se aproximar da derivação, ora da composição. Para verificar a validade das hipóteses levantadas, lancei mão de um extenso levantamento de dados retirados de dicionários e do twitter e, em seguida, analisei cada um deles.

Palavras-chave:Confixação; Confixos; Composição Neoclássica; Formação de Palavras.

Abstract

This work arises from the research and the analysis of a morphological process named confixation. Most of the neoclassical formative do not show mobility in the word structure. However, I intend to demonstrate that there are neoclassical particles that do not follow the behavior of appearing in a predetermined position of the word. In the French tradition, Martinet (1979) calls such forms of confixes, orientation followed by recent authors, such as Radimský (2011) and Navrátil (2017). Through this research, I defend the existence of the confixation morphological process in the Brazilian Portuguese. Based on Radimský (2011) and Martinet (1979), I share the idea that a confixe, such as phono, represents a particle without a predetermined position in the word structure, and then it can appear at the left edge of the word (‘phonogenic’) or at the right edge of a complex morphological construction (‘lusophone’). Therefore, ‘phonostylistics’/‘Anglophone’ and ‘phonetics’/’telephony’ are good examples of confixation because, in those words, phono alternates its position in the complex formations that takes part. Among the main hypotheses of the study, I catalogue the following: (a) the confixation status in the Brazilian Portuguese is a productive morphological process; (b) in general, the formative phono studied in this research presents difference of meaning and function when it appears in different positions in the word structure, (c) even confixation is considered a distinct morphological process, depending on the confixe that is being analyzed, sometimes it can be similar to derivation and sometimes, similar to compounding. In terms of hypotheses verification, I conducted a collecting data retrieved from dictionaries and from Twitter and then I analyzed each one of those data.

Keywords:Confixation; Confixes; Neoclassical Compounds; Word-formation.